Eduardo Bolsonaro: “Cagam na cabeça da sociedade”

Deputado federal comentou a decisão do STF sobre a prisão após condenação em 2ª instância

Pleno.News - 08/11/2019 17h21

Deputado Eduardo Bolsonaro Foto: Agência Câmara/Pablo Valadares

Nesta sexta-feira (8), o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) criticou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que proibiu a prisão após a condenação em segunda instância. Em sua conta do Twitter, ele escreveu que “cagam na cabeça da sociedade”.

O Supremo mudou seu entendimento sobre a possibilidade de se prender antes do trânsito em julgado nesta quinta-feira. O julgamento terminou com 6 votos a 5 contra a medida. Um dos presos que deve deixar a prisão é o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Para Eduardo, a medida pode colocar milhares de criminosos na rua.

– Cagam na cabeça da sociedade, ignoram o risco de botar em liberdade 160.000 presos. Não esqueçam que latrocidas, por exemplo, cometem seus crimes independente da vítima ser de direita ou esquerda. Pedem prisão para assassinos de Marielle [Franco],mas querem soltar bandidos de seus partidos. Piada – escreveu.

A declaração foi dada ao compartilhar uma publicação do também deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP), que exaltou o fato de que Lula será solto.

LEIA TAMBÉM+ Juiz determina saída do ex-presidente Lula da prisão
+ "Festa no reino da corrupção", diz jurista sobre o STF
+ "Congresso pode restabelecer a prisão em 2ª instância"


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo