Leia também:
X 68% dos brasileiros acreditam em ano de 2021 melhor que 2020

“Doria me desrespeitou, quebrou promessa”, diz senadora tucana

Mara Gabrilli diz que governador desonrou compromisso firmado nas eleições de 2018

Monique Mello - 01/01/2021 12h08 | atualizado em 01/01/2021 12h20

Governador de São Paulo, João Doria Foto: PR/Marcos Corrêa

Insatisfeita com o PSDB, a senadora Mara Gabrilli (SP) fez duras críticas ao colega de partido João Doria e disse em entrevista à Folha que o governador desonrou um compromisso com ela ao mexer no orçamento da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).

Mara é tetraplégica desde os 26 anos e fez campanha ao lado de Doria em 2018. Ela afirmou que, ao cortar a isenção de IPVA para veículos de cidadãos com dificuldades de mobilidade, o governo paulista pratica capacitismo (discriminação de pessoas com deficiência).

– Cheguei até a fazer um PowerPoint explicativo. Se não é desconhecimento, desculpe, só pode ser crueldade – disse a tucana.

Senadora Mara Gabrilli Foto: Reprodução

A parlamentar revelou que cogita sair da sigla, por causa do desalinhamento com a direção paulista.

– Ainda está longe de ser uma decisão tomada, mas confesso que venho pensando nisso. Tenho um bom trânsito em diversos partidos, venho mantendo conversas – afirmou.

Mara também não considera Doria como única opção do PSDB para a eleição presidencial de 2022 e cogita outros nomes.

A senadora está se recuperando de graves sequelas da Covid-19, que teve em maio, e concilia os tratamentos com suas atividades no Senado, de maneira remota.

 

Leia também1 Doria insiste em quarentena e prorroga medida pela 15ª vez
2 Promotoria pede quebra de sigilo de eletrônicos de Crivella
3 Neymar responde notificação do MP e nega "festão" de Réveillon
4 Crise no STF? 'Médico demitido' faz Marco Aurélio cobrar Fux
5 Termina a lei que complementou salários durante pandemia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.