Leia também:
X STF: Toffoli nega pedido feito por procuradores contra Aras

Doria: Gestão Bolsonaro é ‘muito pior’ que a de Lula e de Dilma

"Escolhemos o remédio errado para resolvermos o problema histórico do PT", declarou o governador de SP

Thamirys Andrade - 24/08/2021 09h37 | atualizado em 24/08/2021 09h51

Governador de São Paulo, João Doria Foto: Divulgação/Governo do Estado de SP

Na segunda-feira (23), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) afirmou que a gestão do presidente Jair Bolsonaro é “muito pior” que a dos ex-presidentes petistas, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Na avaliação do gestor paulista, a população escolheu o “remédio errado” contra o Partido dos Trabalhadores, em 2018.

– Escolhemos o remédio errado para resolvermos o problema histórico do PT. Por isso que, nas próximas eleições, nem PT nem Bolsonaro; nem Lula nem Bolsonaro; nem horror nem terror. O que o Brasil vai precisar é de um bom gestor, para precificar o país, para criar harmonia e entendimento – declarou Doria, durante uma entrevista para o programa Roda Viva, da TV Cultura.

Doria disse ainda que tanto Lula quanto Bolsonaro são “extremistas” que fogem ao diálogo e afirmou arrepender-se do apoio que expressou a Bolsonaro na última eleição presidencial.

Para justificar seu posicionamento na época, o tucano alegou que um dos motivos que o levaram a rejeitar o voto em Fernando Haddad (PT) foi que ele o derrotou nas eleições para prefeito de São Paulo, no ano de 2016.

Leia também1 STF: Toffoli nega pedido feito por procuradores contra Aras
2 Luís Roberto Barroso defende dar mais autonomia aos estados
3 CPI: Marcos Rogério vai ao STF contra restrição de documentos
4 Lula se encontra com Tasso, Cid Gomes e Eunício no Ceará
5 Moraes autoriza novos depoimentos em caso sobre 'interferência' de Bolsonaro na PF

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.