Leia também:
X Congresso e Supremo voltam ao trabalho nesta segunda

Diretora de filme pró-PT ataca Bolsonaro e internet critica

#PetraCostaLiar e #PetraMente ficaram entre os assuntos mais comentados do Twitter

Rafael Ramos - 03/02/2020 09h25

A diretora Petra Costa, responsável pelo documentário Democracia em Vertigem, da Netflix, que foi indicado ao Oscar 2020, atacou o presidente Jair Bolsonaro em uma entrevista concedida à emissora americana PBS, no dia 31 de janeiro. Durante a conversa com o jornalista Hari Sreenivasan, Petra acusou Bolsonaro de incitar o ódio aos gays e negros e a incendiar a Amazônia.

– Todas essas ideias de extrema-direita estão crescendo na sociedade brasileira. Desde que Bolsonaro foi eleito, o índice de mortes causadas pela polícia cresceu 20% e o estado do Rio de Janeiro tem mais mortos que os EUA, geralmente pessoas de cor – disse Petra, que ainda atacou evangélicos e associou a vitória de Bolsonaro a uma suposta onda de fake news.

Em resposta às declarações da cineasta, internautas levantaram as tags #PetraCostaLiar e #PetraMente. O deputado federal Eduardo Bolsonaro chamou a atitude de Petra Costa de criminosa.

– Não costumo perder tempo desmentindo canalhas como a senhora Petra Costa, mas o nível dos absurdos da sujeita chega a ser criminoso. Sabe o que não é mentira? A militante comunista aí é herdeira da Andrade Gutierrez, empresa metida até o pescoço no Petrolão. Quero ver distorcer isso – afirmou o parlamentar.

 

Leia também1 Congresso e Supremo voltam ao trabalho nesta segunda
2 Bolsonaro diz que quer mudar ICMS sobre combustíveis
3 Ministério da Justiça leiloará 150 imóveis de traficantes

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.