Leia também:
X “Lula está livre, mas carregado de culpa”, diz Bolsonaro

“Dia do Ladrão será 7 ou 8 de novembro?”, indaga Coppolla

Jornalista acusou o STF de andar na contramão da Justiça

Rafael Ramos - 09/11/2019 09h41 | atualizado em 09/11/2019 11h53

Caio Coppolla defendeu escolha de procuradora de SP para PGR Foto: Reprodução

Novo contratado da CNN Brasil e ex-Jovem Pan, o jornalista Caio Coppolla alfinetou os apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. No Facebook, ele acusou o Supremo Tribunal Federal (STF) de andar na contramão da Justiça.

– Só falta decidir se o “Dia do Ladrão” será comemorado em 7 ou 8 de novembro. Deveríamos privilegiar a causa ou a consequência? E só pra deixar claro: Lula não está livre coisa nenhuma. Ninguém se livra fácil assim de trair a confiança de uma nação. Eu sei que de mim e de vocês ele não se livrará tão cedo.

Junto com o post, Coppolla compartilhou um trecho do artigo escrito pelo jornalista J. R. Guzzo sobre “o possível sonho secreto da OAB”.

– Ela (a OAB) gostaria muito que o STF resolvesse, de uma vez por todas, os problemas da Justiça brasileira decretando que a prisão de um condenado só pode ocorrer quando ele não tiver mais dinheiro para pagar os seus advogados.

Leia também1 "Lula está livre, mas carregado de culpa", diz Bolsonaro
2 Enigmático, Bretas diz: "Não há mal que dure para sempre"
3 Jornalista da Globo chama Jair Bolsonaro de ex-presidente

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.