Leia também:
X Exclusivo! Pr. Silas Malafaia fala sobre CPI da Covid: ‘Vergonha!’

Deputados pedem que a AGU solicite impeachment de Barroso

Carlos Jordy e Filipe Barros ainda representaram na PGR contra o ministro por abuso de autoridade

Paulo Moura - 10/04/2021 14h11 | atualizado em 10/04/2021 14h15

Ministro Luís Roberto Barroso, do STF Foto: Carlos Humberto/ SCO/ STF

Os deputados federais Carlos Jordy (PSL-RJ) e Filipe Barros (PSL-PR) pediram, na sexta-feira (9), que a Advocacia-Geral da União (AGU) protocole um pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, por “atividade político-partidária”.

A revolta dos parlamentares foi motivada pela decisão tomada por Barroso, na quinta-feira (8), em que o membro da Suprema Corte decidiu monocraticamente que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, abra a CPI da Covid, para apurar supostas omissões do governo federal na pandemia.

Os parlamentares também decidiram entrar com uma representação contra Barroso na Procuradoria-Geral da República (PGR), para que ele seja denunciado por “abuso de autoridade”. Nas redes sociais, Jordy ainda questionou se o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), “se curvará ao STF”.

– Estou representando na PGR, junto com o deputado Filipe Barros, contra Barroso para que seja denunciado por abuso de autoridade. Estamos acionando ainda a AGU para que protocole pedido de impeachment contra o Ministro por atividade político-partidária – escreveu ele em sua conta no Twitter.

Leia também1 Exclusivo! Pr. Silas Malafaia fala sobre CPI da Covid: 'Vergonha!'
2 Kajuru faz pedido ao STF para agilizar impeachment de Moraes
3 Presidente da Câmara critica a abertura da CPI da Covid
4 STF: Senador apresenta PEC que barra decisões monocráticas
5 Barroso envia à PGR notícia-crime de Ciro contra Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.