Leia também:
X Ateliê demite funcionário que acusou miss de tentar dar golpe

Deputados devem deixar o PSL e “seguir” Jair Bolsonaro no PL

Presidente irá filiar-se ao novo partido no dia 22 de novembro

Henrique Gimenes - 12/11/2021 14h15 | atualizado em 12/11/2021 15h49

Presidente da República, Jair Bolsonaro Foto: Alan Santos/PR

A decisão do presidente Jair Bolsonaro de filiar-se ao Partido Liberal (PL) deve acarretar num aumento da bancada do partido na Câmara dos Deputados. Isto porque aliados do presidente que integram o PSL devem deixar a sigla e acompanhar Bolsonaro em seu novo partido.

De acordo com o portal Uol, lideranças do PSL informaram que entre 20 e 30 deputados devem deixar a sigla, que atualmente conta com 54 parlamentares.

O partido, no entanto, irá fundir-se com o Democratas (DEM) e formar o União Brasil.

O evento de filiação de Bolsonaro ao PL está marcado para ocorrer no dia 22 deste mês. Antes de se decidir, o presidente chegou a revelar que, além do PL, também conversava com o Partido Progressista e com o Republicanos.

Leia também1 Deputada apresenta projeto para instituir "Dia do Orgulho Hétero"
2 Vox Populi, que já recebeu propina, dá vitória a Lula em 22
3 Defesa de Adélio é bancada por ‘amor ao próximo’, diz advogado
4 Ausência de advogados de Moro e da PGR não anula depoimento
5 Auxílio: Bolsonaro oficializa lei que remaneja R$ 9,3 bilhões

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.