Leia também:
X Jair Bolsonaro: “A gente vê menos a cor vermelha”

Deputado quer punição de quem destrói a bandeira do Brasil

Cantora trans queimou a bandeira em show, gerando repúdio

Monique Mello - 28/09/2021 18h37 | atualizado em 29/09/2021 11h12

Deputado Abílio Santana ao lado do presidente Jair Bolsonaro Foto: Reprodução

O deputado federal Abílio Santana (PL-BA) apresentou um projeto de lei na Câmara dos Deputados que proíbe e cria tipo penal de destruição ou ultraje à bandeira, emblemas e símbolos nacionais, inclusive por civis.

Recentemente, a cantora Tertuliana Lustosa, da banda A Travestis postou um vídeo queimando a bandeira do Brasil durante show no município de Feira de Santana, na Bahia. O fato foi repudiado pelo deputado, que classificou como “desrespeito ao símbolo nacional e falta de patriotismo”.

– Os símbolos da República Federativa do Brasil são patrimônios e representações da nação, devendo ser invioláveis. Manifestações populares e atos de civis falsamente revestidos de apelos democráticos, publicamente, via internet ou [por] qualquer meio de rede social, que representem ultraje, desrespeito e violabilidade desses símbolos nacionais, sobretudo a bandeira nacional, merecem ser cabalmente criminalizados – justificou o parlamentar.

A lei apresentada por Abílio Santana acrescenta o inciso V ao art. 31 da Lei n.º 5.700, de 1 de setembro de 1971, para proibir qualquer tipo de ultraje ou destruição à bandeira nacional, a emblemas e símbolos nacionais, inclusive praticados por qualquer cidadão civil – e altera os art. 35 e 36, da Lei n° 5.700, de 1 de setembro de 1971, que dispõe sobre a forma e a apresentação dos símbolos nacionais, para criar o tipo penal de destruição ou ultraje à bandeira, a emblemas ou símbolos nacionais.

A pena prevista é a de reclusão de 2 a 4 anos.

Leia também1 Absurdo! Cantora trans queima bandeira do Brasil em show. Vídeo
2 Esquerda adotará Hino Nacional e cores da bandeira em protesto
3 Partidos de oposição resistem a se unir em atos contra Bolsonaro
4 Xuxa se "chateia" com LGBTs e desiste de reality de drag queens
5 No Egito, Mourão almoça e janta com ex-ministro de Dilma

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.