Leia também:
X Nunes quer julgar linguagem neutra no plenário físico do STF

Deputado põe cão na tribuna e discursa na Câmara Legislativa

Daniel Donizet comemorou a aprovação de um projeto que permite animais na Casa

Pierre Borges - 09/12/2021 12h24 | atualizado em 09/12/2021 12h34

Daniel Donizet e seu cão, Beethoven
Daniel Donizet e seu cão, Beethoven Foto: Reprodução/YouTube/TV Câmara Distrital

Nesta quarta-feira (8), o deputado distrital Daniel Donizet (PL) levou seu cachorro ao plenário da Câmara Legislativa do DF. Ele comemorava a aprovação de seu projeto que alterou o regimento interno da Casa, permitindo a entrada de animais de pequeno porte (de até 12 kg) no local.

Após colocar Beethoven, seu cão da raça lhasa apso, em cima da tribuna, Donizet discursou em defesa dos animais.

– Hoje, o meu discurso vai ser para falar por aqueles que não podem falar. Estou aqui com o Beethoven, que é conhecido como Zé Petisco, né Beethoven? Que foi vítima de um canil clandestino e já faz parte da minha família já tem seis anos – começou o deputado.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Daniel Donizet (@deputadodanieldonizet)

Em nome de seu pet e dos irmãos do cachorro, Donizet pediu ainda aos colegas que não soltassem fogos de artifício em comemoração ao Réveillon.

– Beethoven tem dois irmãos, o Kalel e o Blake, que pediram que fizéssemos hoje um apelo de final de ano. Eles dizem: “Por favor, não soltem fogos barulhentos. Eu e muitos amigos sofremos com esse infernal barulho, e muitos amigos não suportam e infelizmente morrem”. Repito: Por favor, não soltem fogos. O Beethoven e todos os animais agradecem – apelou.

O deputado sustentou ainda que “é comprovado que ter animais no ambiente de trabalho reduz o estresse e aumenta a produtividade. Sem contar que ainda alegra o ambiente”.

Veja a íntegra do discurso de Donizet com Beethoven:

Leia também1 Nunes quer julgar linguagem neutra no plenário físico do STF
2 Camelos são desclassificados de concurso por uso de botox
3 Ato contra passaporte da vacina gera pancadaria na Alerj
4 OMS: Vacinas contra a Covid-19 só protegem por até 6 meses
5 Senado Federal aprova retorno da propaganda partidária

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.