Leia também:
X Zema: “Há um totalitarismo contra o presidente Bolsonaro”

Deputado denuncia contrato entre marido de Joice e Witzel

Anderson Moraes afirmou que esposo da parlamentar vai receber R$ 6 mi por serviço que já existe gratuitamente

Paulo Moura - 21/04/2020 08h18 | atualizado em 21/04/2020 08h54

Vice-governador Cláudio Castro junto de Witzel e Joice Hasselmann Foto: Reprodução

O deputado estadual do Rio de Janeiro, Anderson Moraes (PSL), denunciou durante uma transmissão ao vivo que Daniel França, marido da deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP), vai receber cerca de R$ 6 milhões por um contrato com o governo do Rio de Janeiro para prestar um serviço que já é realizado pelo Ministério da Saúde.

Segundo Moraes, a BestMed, empresas de cursos online na área de saúde, que é de propriedade de Daniel França, ofereceria uma plataforma para treinamento de profissionais do setor. O parlamentar destaca, porém, que já existe um mesmo serviço de forma gratuita oferecido pela pasta federal de Saúde.

– Uma coisa que está disponível de graça, só para a empresa do Daniel França vai custar R$ 137 mil por mês para cada 200 leitos. Se você multiplica isso pelos 6 meses, vai dar R$ 5.754.000 – destacou Anderson.

https://www.instagram.com/tv/B_OOUjAlmzi/?igshid=2etfav4yn0e8

De acordo com Moraes, as informações que ele obteve é de que a articulação para o acordo entre a BestMed e o governo fluminense foi feita pela própria deputada Joice junto ao governador Wilson Witzel.

– Nós temos informações de que a deputada Joice fez a articulação disso diretamente com o governador do Estado do Rio de Janeiro – completou.

Pelas redes sociais, Joice se defendeu e alegou não existir qualquer contrato entre a BestMed, de seu marido, e o governo do Rio de Janeiro.

Leia também1 Apoiadores saem em carreatas a favor de Jair Bolsonaro
2 RJ: Hospitais de campanha estão sob suspeita de fraude
3 Malafaia desafia governadores a pedir isolamento a pobres

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.