Leia também:
X SP prorroga uso obrigatório de máscaras até 31 de janeiro

Deputada do PT diz que irá acionar a Justiça contra Ratinho

O apresentador falou em "pegar metralhadora" ao criticar projeto da parlamentar

Pierre Borges - 20/12/2021 14h57 | atualizado em 20/12/2021 15h32

Natalia Bonavides e Ratinho
Natalia Bonavides e Ratinho Fotos: Câmara dos Deputados/Pablo Valadares e Reprodução/YouTube/Programa do Ratinho

Após o polêmico comentário do apresentador Ratinho sobre “pegar uma metralhadora” para “eliminar” a deputada federal Natália Bonavides, do PT, a parlamentar afirmou que a Procuradoria Legislativa irá representá-la em ações civis e criminais contra o comunicador.

– A declaração foi absurda e criminosa porque incitou violência contra mim. Isso vai ser apurado e investigado. Ontem, estive na Procuradoria Legislativa, que vai me representar em ações tanto civis quanto criminais. Vamos tomar medidas também em relação à rádio, que é uma concessão pública, o que torna ainda mais grave o acontecido – declarou a deputada ao Estadão.

Na última quarta-feira (15), durante o programa Turma do Ratinho, na Massa FM, o apresentador comentava sobre o projeto de lei de Natália que prevê o fim dos termos “marido e mulher” nas celebrações de casamento.

– A gente tinha que eliminar esses loucos. Não dá para pegar uma metralhadora? – disse Ratinho na ocasião.

Após a declaração, a parlamentar disse, no Twitter, que “incitar homicídio é crime! Ele coloca a minha vida e minha integridade física em risco. […] Essas ameaças e ataques covardes não ficarão impunes. O apresentador utilizou uma concessão pública para cometer crime. Vamos acioná-lo judicialmente, inclusive criminalmente”.

Leia também1 SP prorroga uso obrigatório de máscaras até 31 de janeiro
2 Janaina sobre vacinar crianças: "Começam falando em direito e, rapidinho, proíbem crianças de entrar na escola"
3 Rio de Janeiro confirma 1º caso da variante Ômicron
4 Datafolha: Gestão Doria é ruim para 38% e boa para apenas 24%
5 Eficácia de vacinas é menor contra a Ômicron, indica OMS

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.