Leia também:
X Governo anuncia medidas para diminuir filas do INSS

Delator relata entrega de propina na sede do PT em SP

Mário Seabra Suarez fechou acordo com o Ministério Público

Henrique Gimenes - 14/01/2020 20h04 | atualizado em 14/01/2020 20h16

Delator relata entrega de propina na sede do PT Foto: Reprodução

De acordo com o empresário Mário Seabra Suarez, o Partido dos Trabalhadores (PT) teria recebido entregas de R$ 2 milhões na sede nacional da legenda em São Paulo. Os relatos foram dados em um acordo de delação premiada fechado com o Ministério Público. A informação foi dada pelo blog de Fausto Macedo, do jornal O Estado de S. Paulo.

Suarez foi sócio da Mendes Pinto Engenharia e fechou o acordo no âmbito da operação Sem Fundos, que mira um esquema de propina envolvendo o PT na construção da Torre Pituba, sede da Petrobras em Salvador, Bahia.

Em seu acordo, ele citou operadores do senador Jaques Wagner (PT), o ex-chefe de gabinete de José Sérgio Gabrielli quando presidente da Petrobras e o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.

Um dos trechos trata de um acerto de propina feito pelo ex-diretor do fundo Petros, Newton Carneiro, por um falecido sócio da Mendes Pinto, Paulo Afonso, e por Tripodí. Os valores, no entanto, só foram negociados em outro momento.

De acordo com o delator, os números foram definidos por Vaccari e Paulo Afonso em outro encontro. No total, seriam R$ 9,6 milhões, divididos entre o PT, a diretoria da Petros e a Petrobras. Uma parte também seria destinada a um operador de Jaques Wagner.

Suarez relatou que em dois momentos um funcionário de Paulo Afonso, chamado Sormany, esteve na sede do partido em São Paulo para entregar dinheiro.

Trecho da delaçãoA delação pode ser vista neste link.

Leia também1 Secretário de Cultura ironiza documentário pró-PT no Oscar
2 Documentário da Netflix pró-PT é indicado ao Oscar 2020

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.