Leia também:
X MPF recorre de decisão que rejeitou denúncia contra Lula

Defesa sugere a Bolsonaro veto à lei que revoga a LSN, diz jornal

Projeto já foi aprovado pelo Congresso, e o presidente tem até esta quarta-feira para decidir se o sanciona ou não

Pleno.News - 01/09/2021 16h57 | atualizado em 01/09/2021 17h14

Presidente Jair Bolsonaro Foto: Isac Nóbrega/PR

O presidente Jair Bolsonaro tem prazo até esta quarta-feira (1º) para decidir se sanciona ou se veta um projeto de lei que revoga a Lei de Segurança Nacional. E, de acordo com o jornal O Globo, o Ministério da Defesa teria aconselhado o presidente a vetar o dispositivo.

O projeto foi aprovado pelo Congresso e, entre as mudanças, determina penas de prisão para quem tentar dar um golpe de estado ou tentar impedir as eleições no país. A nova lei também estabelece crimes contra o Estado Democrático de Direito.

Um dos dispositivos que Bolsonaro pode vetar é o artigo 4º, que revoga a LSN, criada no final do governo militar. O texto define, entre outros pontos, crimes como caluniar ou difamar o presidente da República, os presidentes do Senado, da Câmara e do STF, “imputando-lhes fato definido como crime ou fato ofensivo à reputação”.

O instrumento foi utilizado pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), para determinar a prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ).

Leia também1 Otoni alerta PM sobre black blocs disfarçados no 7 de setembro
2 SP: Segurança em 7 de Setembro terá drones e tropas especiais
3 7 de setembro: No Reino Unido também terá atos pró-Bolsonaro
4 Bolsonaro: "Quem quer a paz se prepare para a guerra"
5 Luciano Hang, da Havan, passa a ser investigado pela CPI da Covid

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.