Leia também:
X Moraes quer ter controle sobre o país, alerta Bolsonaro na CNN

Datafolha: Tarcísio de Freitas sobe 5 pontos, e Haddad cai 3

Ex-ministro chegou a 21% e abriu vantagem sobre Rodrigo Garcia na disputa pelo segundo turno

Gabriel Mansur - 01/09/2022 19h44 | atualizado em 01/09/2022 19h57

Tarcísio de Freitas e Fernando Haddad Fotos: Marcello Casal Jr/Agência Brasil//Rovena Rosa/Agência Brasil

O ex-ministro Tarcísio de Freitas (Republicanos) subiu cinco pontos na pesquisa de intenções de votos para o governo de São Paulo divulgada pelo Instituto Datafolha nesta quinta-feira (1º). Há 14 dias, no último levantamento, ele aparecia com 16%, ante 21% que registra atualmente. A pesquisa foi encomendada pela Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo.

Da mesma forma que ocorreu na pesquisa Ipec, divulgada há dois dias, o candidato bolsonarista foi quem mais “ganhou” voto nas duas últimas semanas. A diferença é que na pesquisa Ipec, o ex-ministro da infraestrutura aparece com quatro pontos percentuais a menos.

Outro que cresceu em relação à última estimativa foi o atual governador, Rodrigo Garcia (PSDB). O candidato à reeleição saiu de 11% para 15%. Ou seja, a diferença entre ambos aumentou um ponto percentual.

Na contramão, o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), viu sua distância para os adversários cair, na comparação com a pesquisa anterior, quando tinha 38%. Ainda que siga líder, o petista caiu três pontos percentuais e, hoje, registra 35%.

Tarcísio avançou em todos os segmentos sociais e demográficos, com destaque para quem tem entre 25 e 34 anos (de 15% para 24%), entre quem tem escolaridade superior (de 18% para 26%) e na faixa de renda de 5 a 10 salários (de 23% para 35%).

Foram ouvidas 1.808 pessoas entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro em 74 municípios paulistas. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número SP-04954/2022.

Veja o resultado da pesquisa estimulada para o 1º turno:

  • Fernando Haddad (PT): 35% (na pesquisa anterior estava com 38%)
  • Tarcísio de Freitas (Republicanos): 21% (16% na pesquisa anterior)
  • Rodrigo Garcia(PSDB): 15% (11% na pesquisa anterior)
  • Carol Vigliar (Unidade Popular): 2% (2% na pesquisa anterior)
  • Gabriel Colombo (PCB): 1% (2% na pesquisa anterior)
  • Antonio Jorge (DC): 1%
  • Elvis Cezar (PDT): 1% ( 1% na pesquisa anterior)
  • Vinicius Poit (Novo): 1% (1% na pesquisa anterior)
  • Edson Dorta (PCO): 1% (1% na pesquisa anterior)
  • Altino Júnior (PSTU): 1% ( 1% na pesquisa anterior)
  • Brancos e nulos: 12% (17% na pesquisa anterior)
  • Não sabe: 10% (11% na pesquisa anterior)

Leia também1 Ipec São Paulo: Tarcísio abre sete pontos sobre Rodrigo Garcia
2 Governo de São Paulo: Tarcísio lidera doações de pessoas físicas
3 Moraes quer ter controle sobre o país, alerta Bolsonaro na CNN
4 Ipec de Mato Grosso traz grande diferença entre Bolsonaro e Lula
5 Moraes cria o "serviço secreto" do TSE para atuar nas eleições

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.