Leia também:
X Tabata Amaral: ‘Assumir que Bolsonaro já perdeu é arrogante’

Daniel Silveira retoma críticas ao STF e é aplaudido em evento

Deputado participou do congresso chamado Brasil Profundo Paraná

Pleno.News - 14/03/2022 16h48 | atualizado em 14/03/2022 17h16

Deputado federal Daniel Silveira Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados

Durante um evento realizado no último sábado (12), em Londrina (PR), o deputado federal Daniel Silveira disparou críticas contra ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

– Deficientes de moral – disse o político.

Na ocasião, o parlamentar convidou a plateia a “enfrentar o sistema” e elogiou os ministros Kassio Nunes Marques e André Mendonça, classificados por ele como “decentes e imparciais”.

O deputado foi preso em fevereiro do ano passado por criticar os membros da corte, principalmente Edson Fachin. Em novembro, após ter ficado nove meses detido, ele recebeu alvará de soltura emitido pelo ministro do STF Alexandre Moraes.

Ao longo da palestra, o deputado chegou a comparar sua prisão como uma censura para a sociedade.

– Vocês acham que eu fui preso? Não, vocês que foram presos (…) Vai continuar essa história se nós dobrarmos o joelho – apontou.

Com o auditório lotado, ele falou sobre as imposições determinadas pela Corte.

– Essas imposições vêm através do judiciário – afirmou.

A nova investida de Daniel Silveira, com hostilidades à Corte, foi divulgada em primeira mão pelo jornalista Eduardo Matysiak, do Paraná, e confirmada pela reportagem do Estadão.

O parlamentar argumentou que irá seguir ao lado de Bolsonaro para indicar dois ministros para o STF e pediu o apoio das pessoas.

– Vocês têm que ser o maior cabo eleitoral do presidente e da base dele – destacou.

Ele finalizou o discurso de aproximadamente sete minutos sob aplausos.

No palco, Silveira estava acompanhado do deputado federal Filipe Barros e da deputada federal Aline Sleutjes, ambos do partido União Brasil.

A participação dele no congresso chamado Brasil Profundo Paraná faz parte da pré-campanha eleitoral para uma vaga ao Senado.

*AE

Leia também1 Viagem de Carlos B. à Rússia não gerou gastos, diz governo ao STF
2 Ramagem critica STF: 'Estão resgatando o absolutismo'
3 Carlos Bolsonaro responde ao STF sobre sua viagem à Rússia
4 Tabata Amaral: 'Assumir que Bolsonaro já perdeu é arrogante'
5 Moro diz a Nando Moura: "Votar em Bolsonaro é eleger o Lula"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.