Leia também:
X RJ: Thiago Gagliasso é eleito como deputado estadual

Daniel Silveira recebe 1,5 milhão de votos para o Senado

Ele ganhou voto, inclusive, do presidente Jair Bolsonaro

Pleno.News - 02/10/2022 23h38 | atualizado em 03/10/2022 11h09

Daniel Silveira Foto: Câmara dos Deputados/Paulo Sérgio

Neste domingo (2), o candidato ao Senado Federal Daniel Silveira (PTB – RJ) recebeu cerca de 1,5 milhão de votos, apesar de ser inelegível. Com 19,22% dos eleitores, ele ficou em terceiro lugar na disputa. As informações são do jornal O Globo.

Com 29,07% dos votos, o senador Romário (PL – RJ) foi reeleito. Alessandro Molon (PSB) foi a escolha de 21,55% do eleitorado.

Silveira contou com o voto do presidente Jair Bolsonaro (PL), que o cumprimentou e falou sobre sua escolha para o Senado.

– Animal, votei em você – falou Bolsonaro.

O chefe do Executivo votou no Rio de Janeiro. O encontro dele com Silveira foi registrado em um vídeo publicado nas redes sociais.

Silveira teve sua candidatura ao Senado Federal barrada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ). Por 6 votos a 1, a decisão pela inelegibilidade do parlamentar foi sacramentada em setembro. No entanto, ele recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A inelegibilidade foi baseada na condenação de oito anos e nove meses de prisão a Silveira imposta pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes. A desembargadora Kátia Junqueira explicou, em seu voto, que a decisão não era uma avaliação sobre a impunibilidade do candidato, mas sim sobre a extensão dos efeitos da condenação no STF.

Leia também1 Ana Campagnolo é a deputada estadual mais votada em SC
2 Joice e Frota fracassam e passam longe de novos mandatos
3 SP: Zambelli, Eduardo Bolsonaro e Salles estão entre mais votados
4 Com pequena diferença, Bolsonaro constrange pesquisas e vai ao 2º turno com Lula
5 Davi Alcolumbre é reeleito como senador pelo Amapá

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.