Leia também:
X Juiz William Douglas comenta testemunho de Damares

Damares Alves convoca Bia Kicis para seu grupo técnico

Terceira deputada federal mais votada em Brasília é defensora de Bolsonaro e crítica à ministra Rosa Weber

Pleno.News - 14/12/2018 00h12 | atualizado em 14/12/2018 09h58

Futura ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, a pastora Damares Alves nomeou, nesta quinta-feira (13), a deputada federal eleita Bia Kicis (PRP-DF) para compor o grupo técnico da pasta no governo de Jair Bolsonaro. Assim como Joice Hasselmann (PSL), Bia também criticou a presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministra Rosa Weber, durante a cerimônia de diplomação de Bolsonaro e Mourão.

Ex-procuradora do Distrito Federal, Bia Kicis foi a terceira deputada federal mais votada em Brasília, com 86.415 votos. Grande apoiadora do presidente eleito, ela defende temas como reforma tributária, privatização e mudanças na área da segurança pública, intensificação do combate ao crime, redução da maioridade penal e defesa de penas mais rígidas.

A novidade foi comemorada por Joice no Instagram. A jornalista creditou a vitória do Brasil ao sucesso do novo governo. Em seu canal no YouTube, Bia Kicis pediu apoio a Damares Alves, que tem sido alvo de críticas por parte de alguns representantes da mídia.

– Eu estou lá para ajudar a ministra Damares que é uma mulher batalhadora. Ela está lá para representar todas as minorias. Ela vai tratá-las como pessoas dignas de respeito, pessoas cidadãs que têm todos os direitos. Se a gente quer participação na política, temos que ser responsável por nossos deveres.

Registrado no Diário Oficial, o grupo de Damares Alves conta com mais 18 membros. O coordenador-adjunto é o também pastor Sérgio Cury Carazza, presidente da Igreja Batista Cristã de Brasília.

Leia também1 Juiz William Douglas comenta testemunho de Damares
2 Bolsonaro vai rever contratos de patrocínio da Caixa
3 Justiça nega ação do PT contra Bolsonaro por apoio da Havan

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.