Leia também:
X Folha volta a usar ‘despiora’ para não elogiar melhora econômica

CPI da Covid convida Osmar Terra e convoca auditor do TCU

Deputado é apontado como membro do suposto "gabinete paralelo"

Pleno.News - 09/06/2021 11h59 | atualizado em 09/06/2021 12h56

Deputado Osmar Terra Foto: PR/Isac Nóbrega

A CPI da Covid aprovou nesta quarta-feira (9) uma série de novas convocações, entre elas a do ex-ministro da Cidadania e deputado federal Osmar Terra. Ele é apontado por membros da CPI como um dos integrantes do suposto “gabinete paralelo” do governo Bolsonaro, um grupo extraoficial que lhe aconselharia ações a serem tomadas no combate à Covid-19.

Os senadores também aprovaram a convocação do auditor do Tribunal de Contas da União (TCU) que teria produzido um documento sobre mortes na pandemia do novo coronavírus, Alexandre Figueiredo Costa e Silva.

Terra estava presente no encontro com presidente Jair Bolsonaro que reuniu defensores do tratamento precoce contra a Covid-19, em que o virologista Paulo Zanotto sugere a formação de um shadow cabinet (armário de sombra”, em tradução livre), com integrantes que não fossem expostos publicamente, para aconselhar o governo sobre vacinas contra o coronavírus.

Osmar Terra também é apontado como um dos aliados do presidente que o teria influenciado sobre a tese da “imunidade de rebanho”. No entanto, ele irá à CPI na condição de convidado, haja vista que deputados não podem ser alvos de investigação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito do Senado Federal. Terra pode, inclusive, recusar-se a comparecer na CPI da Covid.

O requerimento para convocar o auditor do TCU foi apresentado pelo senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE).

– Para que seja possível esclarecer os detalhes de sua participação na elaboração de “estudo paralelo” apontando que metade das mortes no país pelo coronavírus não teriam ocorrido, tratando-se de expediente de governadores para obterem mais recursos do Executivo Federal, faz-se necessária a convocação do Sr. Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques, auditor do Tribunal de Contas da União – disse o senador.

Entre os demais convocados estão o ex-secretário de saúde do Distrito Federal Francisco de Araújo Filho, o desenvolvedor do aplicativo TrateCOV, o Secretário de Comunicação Institucional Felipe Cruz Pedri, o empresário José Alves Filho e o presidente da Apsen Farmacêutica, Renato Spallicci.

*Estadão

Leia também1 "Ninguém sabe quem é Luana Araújo", afirma infectologista
2 Araraquara cogita um novo lockdown para conter a Covid-19
3 Henkel critica CPI da Covid: 'Virou a CPI da Copa América'
4 Governador do AM recorre ao STF para 'fugir' da CPI da Covid
5 Aziz avalia acionar FBI para ouvir Arthur Weintraub em CPI

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.