Leia também:
X Alexandre de Moraes diz que STF entrou no modo “bateu, levou”

CPI convoca motoboy que sacou R$ 4,7 milhões para empresa

Requerimento foi feito pelo vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues

Paulo Moura - 25/08/2021 15h00 | atualizado em 25/08/2021 15h17

Sessão da CPI da Covid no Senado Federal Foto: Agência Senado/Pedro França

Nesta quarta-feira (25), a CPI da Covid aprovou a convocação do motoboy Ivanildo Gonçalves, responsável pelo saque de R$ 4,74 milhões para a VTC Log, uma empresa de logística que tem contratos com o Ministério da Saúde e é responsável pelo transporte de insumos, inclusive vacinas. O requerimento foi feito pelo vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

De acordo com o pedido apresentado por Randolfe, o relatório de inteligência financeira (RIF) do Coaf aponta que a VTC Log movimentou, de forma suspeita, R$ 117 milhões nos últimos dois anos. Ao Jornal de Brasília, o motoboy admitiu ter realizado os saques e contou que parte do dinheiro foi depositada na conta de pessoas que ele afirma não conhecer.

– A CPI precisa ouvir o Sr. Ivanildo, que, apesar de ser apenas um motoboy, é responsável por nada menos do que 5% de toda movimentação atípica feita pela VTClog, empresa que se tornou alvo de uma das principais linhas de investigação dos senadores que apuram irregularidades nos recursos públicos destinados na pandemia – diz Randolfe no requerimento.

Procurado pelo jornal O Globo, Ivanildo disse que não iria comentar o caso e afirmou que o departamento jurídico da VTC Log está cuidando do assunto. Ainda não há data definida para o depoimento do motoboy.

Leia também1 Alexandre de Moraes diz que STF entrou no modo “bateu, levou”
2 Moraes aceita pedido da CPI para compartilhar dados de inquérito
3 'Capeta tentando apurar coisa no paraíso', diz Bolsonaro sobre CPI
4 Web se une para denunciar a #RachadinhaDoRandolfe
5 Aziz libera acesso a arquivos da CPI: "Não sou babá de ninguém"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.