Leia também:
X Em análise, Coppolla ‘destrincha’ decisão de Fachin sobre Lula

Covid: Doria critica governador do RJ por flexibilizar restrições

Castro é um dos cinco governadores que retiraram seu nome de carta assinada em conjunto, chamada de "Pacto Nacional em Defesa da Vida e da Saúde"

Pleno.News - 11/03/2021 15h13 | atualizado em 11/03/2021 16h22

Cláudio Castro é atualmente o governador interino do Rio de Janeiro Foto: Agência Brasil/Fernando Frazão

O governador do estado de São Paulo, João Doria (PSDB), criticou o governador do estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), por flexibilizar medidas de contenção da disseminação do novo coronavírus.

Castro é um dos cinco governadores que retiraram seu nome de carta assinada em conjunto, chamada de “Pacto Nacional em Defesa da Vida e da Saúde”. Também retiraram o nome do documento os governadores do Amazonas, de Rondônia, do Paraná e de Santa Catarina.

– Lamento que o Rio de Janeiro, onde vivi parte da minha vida e conheci a minha esposa e tenho tantos e tantos amigos, ao invés de ter medidas que restrinjam, e com isso protejam a sua população, façam exatamente o caminho oposto. Mas não cabe a mim fazer esse juízo. Esse juízo deve ser da população do Rio de Janeiro – disse Doria.

Ao comentar sobre possíveis restrições a viagens interestaduais, o governador declarou que seu governo “não fará restrições aos nossos vizinhos, nós somos um só país”.

Durante sua fala, Doria voltou a fazer críticas ao governo federal, dizendo que “lamentavelmente” não há uma coordenação nacional para o combate à pandemia.

Segundo o gestor paulista, são os governadores, sobretudo os que assinaram o pacto nacional, que estão comprometidos nessa coordenação e reforçou que espera que os outros governadores que não assinaram o pacto “possam refletir sobre isso”.

*Estadão

Leia também1 Doria proíbe cultos e aumenta restrições sobre o comércio
2 Aras pede expulsão de Gentili do Twitter e distância da Câmara
3 Governo de SP estuda fase roxa, mais restritiva que a vermelha
4 Governo de São Paulo descarta suspender calendário do futebol
5 Doria fala em 'alerta máximo' em SP e volta a culpar Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.