Leia também:
X Otto é chamado de covarde por Marcos Rogério e interrompe CPI

Corregedor do TCU quer afastar auditor e pede apuração da PF

Ministro Bruno Dantas apresentou solicitação à presidência do órgão nesta quarta-feira

Pleno.News - 09/06/2021 13h22 | atualizado em 09/06/2021 14h03

Bruno-Dantas-868x644 TCU
Ministro Bruno Dantas Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O corregedor do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Bruno Dantas, enviou um pedido à presidência do órgão nesta quarta-feira (8) para que a Polícia Federal (PF) abra um inquérito para apurar a suspeita de inserção de dados falsos em processos da corte. Também foi requerido o afastamento preventivo do auditor Alexandre Figueiredo Costa e Silva Marques do tribunal para não atrapalhar as investigações.

No documento, Dantas solicita a instauração de processo administrativo disciplinar com vistas à apuração da possível prática de infração funcional cometida por Marques. Na manhã desta quarta (9), o auditor confessou à sua chefia imediata no TCU que foi ele o autor das análises.

A presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministra Ana Arraes, autorizou a abertura de processo administrativo disciplinar contra o auditor, segundo noticiou o Correio Braziliense.

Marques já foi destituído de suas funções de supervisor no Núcleo de Supervisão de Auditoria do tribunal. No lugar dele, vai assumir Fábio Mafra, considerado um dos melhores auditores do TCU. Mafra supervisionará todos os trabalhos da secretaria que acompanham o uso de verbas públicas para a compra de equipamentos de combate à Covid-19.

No pedido enviado à presidência do TCU, Dantas reforça que, “para sustentar a confiança pública, a conduta dos auditores deve ser irrepreensível e estar acima de qualquer suspeita, o que exige condução dos trabalhos com uma atitude objetiva, baseada em fatos, não partidária e não ideológica em relação às entidades auditadas e aos usuários de seus relatórios”.

– As partes interessadas, de maneira geral, esperam dos auditores uma atitude honesta, sincera e construtiva – completou.

*Com informações do Estadão

Leia também1 CPI da Covid convida Osmar Terra e convoca auditor do TCU
2 "A vida vai ficar bem pior", diz Barroso sobre voto impresso
3 Folha volta a usar 'despiora' para não elogiar melhora econômica
4 Deputado do PSOL quer revogar sigilo do Exército sobre Pazuello
5 Ao STF, governo nega ter sido 'irresponsável' na pandemia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.