Leia também:
X Após reunião com Lula, Juscelino indica que permanece no cargo

CGU derruba sigilo de visitas de filhos de Bolsonaro ao Planalto

As datas e horários de entrada e saída dos quatros filhos do ex-presidente serão revelados

Leiliane Lopes - 06/03/2023 20h40 | atualizado em 07/03/2023 10h58

Jair Bolsonaro ao lado dos filhos Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira (6), a Controladoria-Geral da União (CGU) informou que o sigilo dos registros de entrada e saída dos filhos do ex-presidente Jair Bolsonaro ao Palácio do Planalto será quebrado. A decisão se deu após a análise de oito recursos sobre imposição de sigilos impostos pelo governo anterior.

As visitas que os quatro filhos do ex-presidente, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP), o senador Flavio Bolsonaro (PL-RJ), o vereador Carlos Bolsonaro (PL) e Jair Renan fizeram à sede do Governo serão revelados.

– Considerando o fim do mandato do então presidente da República, sr. Jair Messias Bolsonaro, entende-se que a classificação da informação expirou e que deve prevalecer o princípio da transparência sobre as informações solicitadas, devendo ser concedido prazo adequado para o atendimento do pedido de modo a não prejudicar as atividades rotineiras das áreas envolvidas – diz a CGU.

Agora, o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) terá dez dias para entregar essas informações. Vale lembrar que a GSI já chegou a negar tornar público esses registros.

Leia também1 Após reunião com Lula, Juscelino indica que permanece no cargo
2 Juscelino se defende em vídeo: "Não houve irregularidade"
3 Jogador de futebol de 21 anos morre após sofrer mal súbito
4 João Amoêdo cobra posição do governo Lula contra ditaduras
5 Homem mistura 2 comprimidos de Viagra com álcool e morre

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.