Leia também:
X STJ nega mais um recurso de Lula sobre o caso do triplex

Carlos Bolsonaro denuncia apologia ao assassinato do pai

Em suas redes sociais, vereador também disse que ainda existem "atos preparatórios" de uma nova tentativa de assassinato do presidente

Pleno.News - 17/11/2020 19h41 | atualizado em 18/11/2020 11h52

Carlos Bolsonaro e Jair Bolsonaro Foto: Reprodução

O vereador Carlos Bolsonaro, do Rio de Janeiro, utilizou suas redes sociais, na noite desta segunda-feira (16), para denunciar um perfil do Instagram por fazer “apologia” ao assassinato do presidente Jair Bolsonaro. Ele compartilhou uma imagem publicada por um usuário da rede social que traz uma pessoa segurando o que seria a cabeça de Bolsonaro.

Carlos Bolsonaro disse que apresentou uma denúncia à Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática.

– Denunciei à Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática mais um que faz apologia ao assassinato do Presidente. Seguindo o rito do inquérito policial, o autor será intimado para depor brevemente – apontou.

O vereador também sugeriu que ainda existem “atos preparatórios” de uma nova tentativa de assassinato do presidente.

– Ao que tudo indica, os atos preparatórios para uma nova tentativa de assassinato contra o Presidente continuam… até hoje também não sabemos quem mandou matar Jair Bolsonaro (…) Independente deste assunto que não encontra-se ainda em fase judicial, lembro que quase nada sai como minimamente esperado e é mais comum do que imaginam perdermos processos que absolutamente ninguém perderia. Mesmo assim, seguimos acreditando! – destacou.

Leia também1 Olavo de Carvalho chama Moro de “moleque” e “analfabeto”
2 Bolsonaro irá expor países que compram madeira ilegal
3 Em discurso na Cúpula do BRICS, Bolsonaro pede reforma na OMS
4 Eleições: Bolsonaro volta a pedir impressão do voto no Brasil
5 Kassio interrompe sessão sobre direito de Bolsonaro de bloquear

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.