Bolsonaro repudia invasão da embaixada da Venezuela

Mandatário disse que está tomando medidas para resguardar a ordem

Paulo Moura - 13/11/2019 14h02

Presidente Jair Bolsonaro Foto: PR/Isac Nóbrega

O presidente Jair Bolsonaro publicou uma mensagem nas redes sociais no início da tarde desta quarta-feira (13), em que manifestou repúdio à invasão da embaixada da Venezuela em Brasília. Na publicação, o mandatário informou que repudiava a interferência de “atores externos”.

– Estamos tomando as medidas necessárias para resguardar a ordem pública e evitar atos de violência, em conformidade com a Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas – escreveu.

A representação diplomática venezuelana na capital federal foi invadida por um grupo de quase 30 pessoas que seriam apoiadores do presidente autoproclamado da Venezuela, Juan Guaidó, e da embaixadora nomeada por ele, María Teresa Belandria.

Durante a manhã, uma confusão se instalou no local entre manifestantes de um grupo pró-Maduro e apoiadores de Guaidó. A PM precisou intervir com gás de pimenta e fechando os portões da embaixada para acalmar o conflito.

LEIA TAMBÉM+ Bolsonaro agradece a China pela defesa da Amazônia
+ Governo investe R$ 1 bilhão na transposição do São Francisco
+ Eduardo Bolsonaro fala sobre invasão da embaixada: 'Justo'


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo