Leia também:
X ‘Antes de vir para a CPI, dobrei os meus joelhos e orei’

Bolsonaro fala sobre medidas para a geração de empregos

Em entrevista, presidente afirmou que sua gestão tem por objetivo "desregulamentar, simplificar as coisas e tirar o Estado do cangote do trabalhador"

Henrique Gimenes - 03/08/2021 16h17 | atualizado em 03/08/2021 16h58

Bolsonaro sério irritado
Presidente Jair Bolsonaro Foto: Flickr/Palácio do Planalto

Nesta terça-feira (3), em entrevista à TV Asa Branca, do Sergipe, o presidente Jair Bolsonaro falou sobre medidas que serão promovidas pelo governo para a geração de empregos no Brasil.

Bolsonaro abordou o assunto falando sobre a média de criação de vagas no país este ano.

– Apesar da pandemia de 2020, que segue em 20221, terminamos o ano passado com mais empregos do que terminamos [em] 2019. E, no corrente ano, a média de criação de empregos mensal tem ultrapassado 200 mil. Isso, em grande parte, [é devido] a vários fatores, como a criação de programas, como a manutenção de empregos e o Pronampe – lembrou.

O presidente então ressaltou que o governo não gera empregos, e sim que estimula a criação de vagas.

– Também no ano passado criamos a lei da liberdade econômica, que estimula muito o emprego […] Porque o governo federal não cria empregos, o governo federal dá meios para que o empreendedor crie empregos. Esse é o nosso trabalho – apontou.

O presidente ainda lembrou sobre a redução de normas regulamentadoras para a geração de empregos.

– Essas normas, na casa de 6 mil, reduzimos drasticamente […] O pessoal passou a poder produzir mais coisas sem a preocupação enorme de ser multado por qualquer motivo. Isso desestimulava o emprego. Esse é o [objetivo do] nosso governo: desregulamentar, simplificar as coisas e tirar o Estado do cangote do trabalhador – concluiu.

Leia também1 Bolsonaro declara que não aceitará intimidações do TSE
2 Voto auditável é preocupação legítima, dispara Nunes Marques
3 'Deputada nazista': Aziz repudia reunião de Bolsonaro com alemã
4 CPI aprova quebra de sigilo de responsáveis por sites de direita
5 "O povo de bem precisa andar armado", defende Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.