Leia também:
X Manifestações enchem ruas pelo Brasil, e pedem fim de lockdown

Bolsonaro fala em chance de “enterrar Lula” definitivamente

Presidente revelou para assessores que está otimista com chance de derrotar o petista

Paulo Moura - 14/03/2021 14h11

Presidente Jair Bolsonaro Foto: PR/Clauber Cleber Caetano

Ao tomar conhecimento da decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), que anulou as condenações contra Lula no âmbito da Operação Lava Jato, o presidente Jair Bolsonaro teria revelado a seus assessores do Planalto e parlamentares que essa “seria a oportunidade de enterrar Lula de uma vez por todas”.

A ocasião acima foi divulgada pelo site da revista Veja, no sábado (13). De acordo com a publicação, Bolsonaro também teria dito que Fachin é “petista” e tem tomado “decisões absurdas”. Apesar da controversa decisão, Bolsonaro destacou que um embate entre ele e Lula nas próximas eleições não é de todo negativo.

E a convicção de Bolsonaro faz sentido se analisarmos as últimas pesquisas de intenção de voto, que mostram o atual chefe do Executivo na liderança em todas elas. Na pesquisa realizada pelo Instituto Big Data em parceria com a CNN Brasil, por exemplo, o atual presidente aparece com dez pontos percentuais de vantagem sobre o petista.

Outro levantamento que deu razão ao argumento do presidente foi o produzido pela EXAME/IDEIA, cuja intenção de voto colocou Bolsonaro na frente com 42%. Já Lula, por sua vez, liderou o ranking de candidatos nos quais o eleitor não votaria de jeito nenhum.

Leia também1 Lula nega "conversa política" com dona do Magazine Luiza
2 Marquezine desativa Twitter por ser criticada após aglomerar
3 "Caveirão" da polícia cai dentro de quintal no Rio de Janeiro
4 Presidente Bolsonaro sai para "agenda privada" em Brasília
5 Moraes determina ida de Daniel Silveira para prisão domiciliar

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.