Leia também:
X MP se manifesta ao TSE contra cassação da chapa de Bolsonaro

Bolsonaro diz que chega a chorar sozinho e que Michelle nunca viu

Presidente fez confissão sobre suas emoções durante evento promovido por igreja evangélica

Paulo Moura - 15/10/2021 08h53 | atualizado em 15/10/2021 09h26

Presidente Jair Bolsonaro durante conferência de igreja evangélica Foto: PR/Alan Santos

Durante sua participação em um encontro organizado pela igreja evangélica Comunidade das Nações, em Brasília, na noite de quinta-feira (14), o presidente Jair Bolsonaro fez uma confissão sobre suas emoções. Segundo o líder, algumas vezes ele já chorou no banheiro de casa, mas sua esposa, a primeira-dama Michelle Bolsonaro, nunca teria visto.

– Quantas vezes eu choro no banheiro em casa? Minha esposa [Michelle Bolsonaro] nunca viu. Ela acha que eu sou o machão dos machões. Em parte acho que ela tem razão até. O que me faz agir dessa maneira? Eu não sou mais um deputado. Se ele errar um voto, pode não influenciar em nada. Um voto em 513. Mas uma decisão minha mal tomada, muita gente sofre – declarou.

Em sua fala, o presidente também fez a defesa de pautas conservadoras e ressaltou que joga dentro das “quatro linhas da Constituição”, mas defendeu que o “Executivo tem que estar na frente para tomar as decisões” e que os Poderes são “independentes e harmônicos”.

– Eu jogo dentro das quatro linhas [da Constituição], mas também não podemos aceitar que nenhuma pessoa jogue fora das mesmas. Os três Poderes são independentes e harmônicos. O Legislativo é extremamente importante para fiscalizar o Executivo. O Judiciário, da mesma maneira, para dirimir os conflitos. Mas o Executivo tem que estar na frente para tomar as decisões – completou.

Leia também1 MP se manifesta ao TSE contra cassação da chapa de Bolsonaro
2 Após mais de 40 dias detido no DF, Wellington Macedo é solto
3 Moraes manda periciar contas do PTB após denúncia de Eustáquio
4 Mudança na cobrança de ICMS é um "paliativo", diz Mourão
5 Após CPI, Prevent Senior passa a ser monitorada pela ANS

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.