Leia também:
X José de Abreu faz vaquinha para indenizar hospital

Bolsonaro participa de culto evangélico na Câmara

Presidente afirmou que "a família sofreu nos últimos governos"

Gabriela Doria - 10/07/2019 10h01 | atualizado em 10/07/2019 10h48

O presidente Jair Bolsonaro participou nesta quarta-feira (10) de um culto de Santa Ceia promovido pela Frente Parlamentar Evangélica na Câmara dos Deputados. O encontro teve a presença de diversos ministros, como Damares Alves, Onyx Lorenzoni, Marcos Pontes, Marcelo Alves, general Augusto Heleno, e o general Luiz Eduardo Ramos, empossado recentemente na Secretaria de Governo.

Entre os parlamentares estavam os deputados Marco Feliciano, que se tornou um forte elo entre Bolsonaro e a comunidade evangélica, e o pastor Silas Câmara, líder da Frente Evangélica.

Após orações e louvores, Jair Bolsonaro discursou sobre o resgate da família e agradeceu aos parlamentares da Frente.

– Você são mais que amigos, são irmãos. São homens e mulheres que querem o bem do próximo. Juntos poderemos fazer aquilo que o povo quer e merece. Vocês sabem o quanto a família sofreu nos últimos governos e vocês se tornaram essenciais na busca do resgate dos valores da família. Em 2010, entraram pessoas maravilhosas nesta Casa. E por mais críticas que essa bancada [evangélica] possa receber, vocês têm um superávit enorme na sociedade – declarou Bolsonaro.

Jair Bolsonaro também relembrou uma frase de Damares e garantiu que o Brasil terá um ministro do STF “terrivelmente evangélico”.

– Muitos tentam nos deixar de lado, dizendo que o Estado é laico. Mas nós somos cristãos! Para plagiar a Damares, nós somos “terrivelmente cristãos”! E esse espírito deve estar presente em todos os poderes, por isso, em meu compromisso, poderei indicar dois ministros para o Supremo Tribunal Federal e um deles será terrivelmente evangélico – garantiu Bolsonaro.

Muito aplaudido, o presidente continuou seus discurso e reforçou seu compromisso com os eleitores.

– Nós respeitamos todas as instituições, mas é ao povo que devemos lealdade. Agradeço a Deus por esse momento, pela minha vida e pela missão dada. Essa missão será cumprida ao lado de pessoas maravilhosas como vocês – afirmou.

O presidente ainda lembrou que as decisões do governo devem ser guiadas pelo “bem do próximo”.

– Temos problemas aí fora e a solução se passa, em grande parte, por nós. Com o pensamento no bem do próximo e Naquele que nos deu a vida, encontraremos soluções – observou.

Após o discurso de Jair Bolsonaro, os parlamentares se reuniram para mais uma oração. Antes do encerramento do encontro, o deputado Marco Feliciano serviu a Santa Ceia, com pão e suco de uva para simbolizar o corpo e o sangue de Jesus Cristo.

Leia também1 Michelle Bolsonaro leva alegria a crianças em hospital
2 Maia indica que Previdência deve ser votada nesta quarta
3 Cresce o apoio da população à reforma da Previdência

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.