Leia também:
X Cedae é multada em R$ 100 mil por não divulgar relatórios

Bolsonaro critica feministas que não apoiam Regina Duarte

Atriz foi atacada pelo ator José de Abreu pela internet

Rafael Ramos - 05/02/2020 11h53 | atualizado em 05/02/2020 11h58

Bolsonaro defendeu Regina Duarte dos ataques de José de Abreu Foto: PR/Carolina Antunes

O presidente Jair Bolsonaro explicou, nesta quarta-feira (5), que a atriz Regina Duarte precisará fazer alguns acertos com a Rede Globo antes de assumir a Secretaria Especial de Cultura. Confiante em sua escolha, Bolsonaro afirmou que quer o bem da futura secretária.

– A gente está conversando, não tem pressa, não. Se fizer correndo, as coisas não dão certo. Quero o bem dela, é uma pessoa que tem um coração muito grande. Na política você tem que ter um pouco de maldade. Entrou na política, entrou num liquidificador, no caldeirão – declarou o presidente ao deixar o Palácio da Alvorada.

Alvo de ataques do ator José de Abreu, que disse que Regina não é um ser humano por apoiar o governo, Bolsonaro criticou a postura das feministas que se calaram diante do caso. Durante a campanha eleitoral de 2018, várias delas se uniram contra a candidatura do presidente com a hashatag #EleNão.

– Tem um ator aí batendo nela, falando palavras impronunciáveis. E não vi ninguém, das feministas, essa esquerda festiva que nós temos, falando nada. Está massacrando uma senhora que tem um passado aí que nos orgulha a todos.

Leia também1 Bolsonaro: "Se governadores zerarem ICMS, zero o federal"
2 Bolsonaro celebra aumento de bens do tráfico apreendidos
3 "Socialismo destrói as nações", diz Donald Trump em discurso

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.