Leia também:
X Weintraub sobre lojas fechadas em SP: “Dor no coração”

Bolsonaro compartilha vídeo de empresária implorando para trabalhar

Empreendedora do ramo de confeitaria faz duras críticas contra decreto do governo do DF

Paulo Moura - 28/02/2021 08h24

Empresária protesta contra governo do DF e pede volta ao trabalho Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro compartilhou neste domingo (28), em sua conta no Twitter, um vídeo gravado por uma empresária que critica a decisão do governo do Distrito Federal de adotar lockdown, alegando que “lockdown mata!”. Na legenda do post, o presidente escreve “O povo quer trabalhar” e “Brasília/DF”.

No vídeo, a empresária faz um depoimento dirigido ao governador Ibaneis Rocha (MDB) e condena o fechamento de comércio e serviços, falando, segundo ela, em nome de seus funcionários e de sua empresa.

– Tivemos um ano difícil e agora que estamos alavancando novamente o senhor vem e fecha tudo. Não faça isso governador, precisamos trabalhar – afirma.

A empresária prossegue dizendo que está cumprindo os protocolos exigidos, com uso de máscara, álcool gel e distanciamento dos funcionários.

– Estamos fazendo tudo para dar certo, faça a sua parte, governador. Votamos no senhor, acreditamos no senhor. Coloque leitos nos hospitais e ônibus na rua. Lockdown não salva, lockdown mata, mata de fome – afirma a empresária.

O vídeo termina com um pedido coletivo, com gritos de “Governador, deixa a gente trabalhar!”. Na sexta-feira (26), o governo do Distrito Federal determinou o fechamento de todos os serviços não essenciais a partir da 0h do sábado (27), para conter o avanço do novo coronavírus.

*Estadão

Leia também1 Lira critica possível CPI sobre atuação do governo na pandemia
2 Doze estados elevam restrições de circulação por conta da Covid
3 Governo nomeia Danilo Ribeiro como presidente do Inep
4 Veja: 5 fatos inacreditáveis que ocorreram durante a pandemia
5 "Governador que fechar estado é quem deve bancar o auxílio"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.