Leia também:
X Advogado de Marília foi quem reconheceu o corpo: “Choque”

Bolsonaro aprova medida para reduzir emissão de gases estufa

Determinação valerá para os próximos dez anos

Thamirys Andrade - 08/11/2021 10h53 | atualizado em 08/11/2021 11h07

Presidente Jair Bolsonaro Foto: PR/Alan Santos

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) aprovou um conjunto de metas compulsórias anuais, previstas na resolução do CNPE (Conselho Nacional de Política Energética), com o objetivo de reduzir a emissão de gases que produzem o efeito estufa em decorrência dos combustíveis. A determinação valerá para os próximos dez anos.

Os novos objetivos estabelecidos ainda não foram divulgados pelo governo na íntegra. Contudo, os valores determinados como meta em agosto de 2020 foram reafirmados até 2030. Estima-se que, a essa altura, a descarbonização já chegue a 90,67 milhões de CBIOs (crédito de descarbonização).

A resolução aprovada pelo presidente é parte do programa nacional de biocombustíveis, RenovaBio.

Na COP26, 26ª Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas, ocorrida na última semana na Escócia, o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, declarou que a nova meta do Brasil é passar de 43% de redução de emissão de gases de efeito estufa para 50% até 2030.

Leia também1 Rodrigo Maia pede suspensão imediata da PEC dos Precatórios
2 Doria evita comentar apoio do PSDB à PEC dos Precatórios
3 Venezuela recebe doses de vacina cubana contra Covid-19
4 Com oponentes presos, Ortega é reeleito presidente da Nicarágua
5 Jair Bolsonaro reajusta linha de pobreza para ampliar auxílio

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.