Leia também:
X Flávio Bolsonaro vai à Justiça cobrar explicações de Witzel

Bolsonaro afirma que “temos uma CPI de sete pilantras”

Presidente afirmou que os senadores "não querem investigar quem recebeu o dinheiro, apenas quem pagou"

Pleno.News - 26/06/2021 18h39 | atualizado em 26/06/2021 19h17

Presidente Jair Bolsonaro em Chapecó Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro criticou, durante manifestação de apoiadores em Chapecó (SC) neste sábado (26), a realização da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado para investigar a gestão do governo durante a pandemia.

– Temos uma CPI de sete pilantras que não querem investigar quem recebeu o dinheiro, apenas quem pagou – disse.

A CPI conta com onze senadores titulares e sete suplentes.

Bolsonaro declarou que o governo defendeu o direito de trabalhar dos brasileiros, ao mesmo tempo que criticou medidas de restrições para conter o avanço da Covid-19 no país desde o ano passado.

Presidente Jair Bolsonaro em Chapecó Foto: Isác Nóbrega/Planalto

– Não fechei um botequim. Não decretei lockdown porque respeito a constituição, o direito de ir e vir. Tentaram no ano passado mergulhar o Brasil no caos, com medidas absurdas – disse

O presidente discursou em tom de campanha, por cerca de dez minutos, citando o PT e o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, que chamou de “ladrão que por 14 anos afundou nosso país”.

Ele defendeu que não haverá fraudes nas eleições de 2022, e disse que o Brasil terá uma “eleição no ano que vem com voto auditável”.

Ao final, ele passou a palavra para o ministro de Infraestrutura Tarcísio Freitas, que falou brevemente sobre o combate a corrupção e parabenizou a recepção na cidade.

*AE

Leia também1 PSOL invoca Estatuto da Criança para incriminar Bolsonaro
2 Malafaia: "Senadores acusam Bolsonaro e protegem ladrões"
3 Web volta a se unir em apoio e diz que é #BolsonaroAte2026
4 Homem é preso com uma faca durante 'motociata' de Bolsonaro
5 Ex-chefe de gabinete de Lula admite corrupção do PT

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.