Bivar justifica saída de Frota: “Estava ofendendo o partido”

Presidente do PSL afirmou que sigla já monitorava suas declarações

Pleno.News - 13/08/2019 15h38

Alexandre Frota é expulso do PSL Foto: Reprodução

O presidente do PSL, Luciano Bivar, se manifestou a respeito da expulsão do deputado federal Alexandre Frota (SP) do partido. Nesta terça-feira (13), ele se reuniu com os executivos da sigla e parlamentares sobre a situação de Frota.

Por unanimidade optou-se por retirar o político do PSL. Pouco depois da reunião, Bivar afirmou que a situação ficou “insustentável” e que o partido não concordava com o comportamento dele.

– O processo de instrução precedeu aquele comportamento (a abstenção na votação), já estava em fase de instrução. Como o partido não tem um conselho de ética, é a executiva nacional que faz a análise por meio de um conselho. Já estávamos acompanho as declarações dele – relatou.

Bivar se referiu às votações a respeito da reforma da Previdência, proposta do governo federal, da qual Frota se absteve. O presidente também falou sobre as críticas feitas à família Bolsonaro.

– Tem que no mínimo respeitar a hierarquia do partido e o sentimento de unicidade que todo partido procurar ter. Ele estava ofendendo o partido. O que é considerado grave – afirmou.

LEIA TAMBÉM+ Deputado federal Alexandre Frota é expulso do PSL
+ Após críticas a Bolsonaro, PSL afasta Frota da vice-liderança
+ PSL: Carla Zambelli protocola pedido de expulsão de Frota


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo