CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Eduardo felicita Weintraub por vaga no Banco Mundial

Autor de vídeo sobre censura a direitistas faz desabafo

Assessor parlamentar falou com o Pleno.News sobre vídeo que viralizou nas redes sociais

Camille Dornelles - 31/07/2020 16h18

Evandro Araújo fala sobre vídeo que viralizou nas redes sociais Foto: Reprodução

Nesta semana, um vídeo lançado no último dia 24 viralizou nas redes sociais por suas críticas à injustiça contra conservadores no Brasil. O vídeo foi compartilhado por parlamentares, como a deputada federal Bia Kicis (PSL-DF), e chegou a milhares de compartilhamentos no Twitter e Instagram em seis dias.

O vídeo foi feito por Evandro de Araújo Paulo, assessor parlamentar, e aponta diferenças no modo de tratamento de esquerdistas e direitistas no país. O Pleno.News entrou em contato com o autor para falar sobre a mensagem do vídeo.

A postagem viralizou em meio a ações das redes sociais contra perfis de defensores do presidente Jair Bolsonaro e também ações do Supremo Tribunal Federal (STF) contra bolsonaristas no âmbito do inquérito das fake news.

Acredita que a mensagem do vídeo foi passada? Como entende o comportamento da esquerda?
Na verdade, a esquerda não entende nada sobre comportamento. Porque já ultrapassou todos os limites. Muito diferente do conservadorismo, que defende os valores e aquilo que deu certo, a esquerda tenta implementar um padrão que não deu certo em nenhum lugar do mundo.

E por que defende o conservadorismo?
Nós, conservadores, como dizia Enéias Carneiro, valorizamos o que é clássico, e não o que é velho. O que é clássico é o que é eterno. E desconstruir o clássico é o plano da esquerda. O professor Olavo (de Carvalho) define conservadorismo como constância. É um resumo do que é ser um conservador.

Como vê essa polarização política?
Eu acredito que seja até saudável na democracia, porque antes só havia um pensamento dominante. Era só um lado que falava, mas agora isso mudou. Antes só eles tinham o microfone, mas agora o cenário é outro. Principalmente depois da eleição do presidente Bolsonaro. E nós, conservadores, somos representados pelo símbolo Bolsonaro.

Você acha que ativistas de direita precisam se unir mais?
Não! Acho que a direita está se definindo. Os últimos acontecimentos mostram quem está ao lado da verdade.

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo