Leia também:
X Evangélico é indicado pelo PL para vice-presidência da Câmara

Aras é contido por seguranças ao brigar com colega de PGR

Discussão foi exibida ao vivo e teve transmissão interrompida

Monique Mello - 24/05/2022 18h14 | atualizado em 25/05/2022 09h26

Augusto Aras perde a paciência com colega de PGR Foto: Reprodução/Vídeo redes sociais

Durante sessão do Conselho Superior do Ministério Público Federal nesta terça-feira (24), os ânimos se exaltaram. O procurador-geral da República, Augusto Aras, chegou a ser contido por seguranças ao partir para cima de um colega.

Quando anunciou que abriria uma votação, Aras foi interrompido pelo subprocurador Nívio de Freitas, que pediu para sustentar seu ponto de vista.

– Pode [sustentar]. Eu só não posso admitir aqui essa bagunça que o colega… – disse Aras, sendo interrompido novamente.

– Não, bagunça não. Vossa Excelência também interferiu quando o colega estava falando. Então se vossa excelência quer respeito, me respeite também – retrucou Nívio.

O chefe da PGR fiou impaciente e apontou o dedo para o subprocurador.

– Vossa Excelência não é digno de respeito. Vossa Excelência não é digno de respeito – disparou Aras.

A discussão foi transmitida ao vivo, mostrando, inclusive, o momento em que Aras bateu na mesa e se levantou em direção a Nívio. As imagens também mostram um segurança correndo antes de a transmissão ser interrompida.

Momentos depois, a sessão pública foi retomada.

VÍDEO: Aras quase sai na porrada com procurador em reunião do MPF

 

Leia também1 Bolsonaro sanciona Lei Henry Borel, que protege menores
2 Moro diz que "manobra eleitoral do PT foi desmascarada"
3 Barroso pode ter impeachment por fala sobre Forças Armadas
4 Deputada do PSOL propõe cota estudantil para ex-presidiários
5 Médica que xingou pacientes em postagens no Twitter é afastada

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.