Leia também:
X Datena concorrerá ao Senado pelo PSC e apoiará Tarcísio

Após dizer que Podemos pagava salário a Xico Graziano, Alvaro Dias apaga tweet e diz que era fake news

Discussão entre senador e ex-deputado foi motivada pela saída de Sergio Moro do Podemos

Henrique Gimenes - 01/04/2022 15h36 | atualizado em 01/04/2022 16h58

Ex-juiz Sergio Moro deixou o Podemos, partido do senador Alvaro Dias Foto: Isaac Amorim/MJSP

O senador Alvaro Dias (Podemos-PR) e o ex-deputado federal Xico Graziano protagonizaram uma discussão envolvendo o pagamento de salários nas redes sociais. A polêmica teve início após o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, deixar o Podemos e ingressar no União Brasil. A expectativa é que o ex-juiz dispute uma vaga na Câmara dos Deputados.

Após a “debandada” de Moro, o Podemos divulgou uma nota à imprensa informando que soube da saída pela imprensa. Além disso, a sigla explicou que o ex-ministro não comunicou suas intenções a ninguém dentro da legenda.

Xico Graziano então publicou uma declaração ácida em sua conta do Twitter apontando que Moro era um herói nacional.

– Uma velhaca da política, dona de partido fisiológico, se finge de vítima para esconder sua picaretagem. Pura bandidagem para atacar um herói nacional – ressaltou.

Alvaro Dias então rebateu as declarações e disse que o Podemos pagava o salário do ex-deputado.

– Partido fisiológico? Não seja ridículo. Quem, por acaso, pagou seu salário até ontem? Não é novidade você cuspir no prato em que comeu, mas de mito a herói, de galho em galho, acostumou-se com a incoerência por desespero de sobrevivência? Que lástima – destacou.

Após a resposta, Xico Graziano, que foi chefe de gabinete no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, negou a acusação.

– Sempre respeitei, e gostei, do Alvaro Dias. Ele tem boa história. Mas ontem tomou as dores de um post meu sobre partidos fisiológicos e me atacou. Por nada. Vou lhe dizer Senador: se o senhor encontrar um recibo meu no Podemos, pinto o cabelo. Falsidade nunca me pertenceu – escreveu.

Horas depois da publicação, no entanto, Alvaro Dias disse que a informação sobre o Podemos pagar salário a Xico Graziano era falsa e afirmou que seu perfil foi invadido. O senador ainda pediu desculpas pelo ocorrido.

– A informação sobre o tuíte não é verdadeira. Alguém não autorizado por mim escreveu em meu nome um tuíte atacando Xico Graziano. Esse ataque não partiu de mim e estamos tentando identificar o invasor. Pedimos desculpas ao Xico Graziano pelo mal-entendido – escreveu.

O senador ainda disse que a declaração foi fake news.

Sergio Moro se filiou ao Podemos em novembro do ano passado. Ele era o pré-candidato do partido à Presidência até esta quinta-feira (31).

Leia também1 Rosangela Moro se filia a dois partidos em apenas dois dias
2 Com troca, Moro volta a ficar no mesmo partido de Arthur do Val
3 "Sérgio Moro, além de traíra, é mentiroso", afirma Bolsonaro
4 Em nota, Podemos diz que soube da saída de Moro pela imprensa
5 Moro explica por que desistiu da Presidência e saiu do Podemos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.