Leia também:
X Bolsonaro dispensa o porta-voz Otávio Rêgo Barros

Após delação, web pede saída do presidente da OAB

Internautas levantaram a hashtag #ForaSantaCruz

Rafael Ramos - 09/09/2020 13h49 | atualizado em 09/09/2020 14h25

Delatado pelo ex-presidente da Fecomércio do Rio de Janeiro, Orlando Diniz, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, se tornou alvo de críticas por parte de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro. Diniz teria feito um acordo com um aliado de Santa Cruz para um pagamento de R$ 120 mil que seria usado na campanha de reeleição de Felipe à OAB do Rio de Janeiro.

Diante da denúncia, internautas subiram no Twitter a hashtag #ForaSantaCruz. Em 2019, a web também pediu a saída do presidente da OAB por ele ter chamado o ex-ministro Sergio Moro de “chefe de quadrilha”.

Pela rede social, o presidente da OAB afirmou ser alvo de uma “denunciação caluniosa”. Ele garante que tudo não passa de uma mentira para atacá-lo.

– Entro na hashtag, que está nos trending topics, #forasantacruz (Santa Cruz, no caso, sou eu), e sinto orgulho. Orgulho de ver meus opositores, pessoas que jamais, em qualquer contexto histórico, estariam ao meu lado. Ainda bem!

Leia também1 Bolsonaro dispensa o porta-voz Otávio Rêgo Barros
2 Flordelis exonera filho que ocupava cargo na Câmara
3 Entenda como é escolhido o sucessor da presidência do STF
4 Saiba as regras que você terá que seguir ao votar neste ano
5 Toffoli deixa a presidência do STF: Veja trajetória polêmica

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.