Leia também:
X Hang ironiza possível nova CPI da Covid: ‘Novela mexicana’

Frias reage após Marieta Severo falar que 2022 é ano de gritar

"Não vai ser só esse ano", avisou o secretário especial de Cultura

Pleno.News - 12/01/2022 17h51 | atualizado em 12/01/2022 19h09

Mario Frias e Marieta Severo Fotos: Reprodução / Youtube / Viva e Roberto Castro/Mtur

Nesta quarta-feira (12), o secretário especial de Cultura, Mario Frias, reagiu às declarações de Marieta Severo, que declarou voto no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Após a atriz afirmar que 2022 é ano de “berrar” e “tentar convencer” eleitores a desistirem do voto em Jair Bolsonaro (PL), Frias usou as redes sociais para avisar que os gritos não serão só neste ano.

Marieta e Andréa Beltrão são proprietárias do Teatro Poeira, em Botafogo, que, neste ano, completa 15 anos. Durante entrevista à Folha de S. Paulo, elas reclamaram dos cortes na Lei Rouanet e disseram que aqueles que celebram o “fim da mamata” o fazem por “ignorância”.

– Não vai ser só esse ano. Vocês passaram quatro anos gritando e esperneando, como criança mimadas que são, e vão passar mais quatro – rebateu Mario Frias, no Twitter.

A reação do secretário de Cultura foi compartilhada pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro.

– Onde estava esse pessoal, com essa energia, quando cerca de R$ 15 bilhões foram distribuídos, via Lei Rouanet, sem qualquer auditoria? – questionou o parlamentar.

Leia também1 Marieta Severo: 2022 "é ano de berrar, gritar, tentar convencer"
2 Eduardo rebate venezuelano que criticou Jair Bolsonaro
3 Frias sobre Ivete: 'Há projetos com os quais ela foi beneficiada'
4 Ator elogia Bolsonaro e Frias por mudanças previstas para Lei Rouanet: 'Sensacional'
5 Frias rebate colunista por texto sobre Ivete e Rouanet

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.