Leia também:
X Ministério da Saúde diz que vacina para crianças é segura

Allan dos Santos defende Olavo e bate boca com Sergio Camargo

Ex-aliados trocaram ofensas nas redes sociais

Pierre Borges - 27/12/2021 13h47 | atualizado em 27/12/2021 13h56

Allan dos Santos, Olavo de Carvalho, Sérgio Camargo
Allan dos Santos, Olavo de Carvalho e Sérgio Camargo Fotos: Roque de Sá/Agência Senado // Reprodução/YouTube/Olavo de Carvalho // Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

O jornalista Allan dos Santos saiu em defesa de Olavo de Carvalho nas redes sociais após o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, apoiar o presidente Jair Bolsonaro em resposta às críticas do filósofo. Allan e Sérgio acabaram discutindo e trocando ofensas pela internet neste domingo (26).

Tudo começou quando Camargo reagiu à acusação de Olavo de que Bolsonaro o teria usado para se promover durante as eleições. O presidente da Palmares declarou, na última sexta-feira (24), que “Bolsonaro seria um autêntico conservador ainda que absolutamente nenhum intelectual jamais tivesse escrito um único parágrafo sobre conservadorismo”.

Camargo disse ainda que Bolsonaro “nunca precisou e jamais precisará de um ‘professor’”, mas foi logo rebatido por Allan que, mesmo bloqueado em diversas redes sociais, manifestou-se pelo Telegram em defesa de Olavo.

O jornalista declarou que “o Brasil pariu uma horda de analfabetos que, se não estivessem na política, não seriam capazes de ensinar uma única e mísera coisa sequer. Vivem do salário que recebem do Estado e, assim que dele sair, não serão capazes de organizar um grêmio estudantil. Esse Sérgio Camargo é um deles”.

Allan chamou a fala de Camargo de “idiotice” e disse que, “se não fosse o carguinho dele, ninguém nunca saberia quem é esse infeliz”. “Com o tempo, muitos verão o quão verdadeiro é o que o professor Olavo fala sobre o comunismo e o banditismo alimentado por ele”.

O dono do portal Terça Livre disse ainda que o Brasil está fadado ao comunismo “por pura ignorância e burrice” de quem não quer ouvir “intelectuais que alertaram sobre os comunistas”.

O presidente da Palmares, por sua vez, disse que o brasileiro é “majoritariamente conservador”, mesmo sem nunca ter lido Olavo de Carvalho ou assistido ao Terça Livre. Camargo também afirmou que “quem fala de ‘carguinho’ sofre de inveja e interesse contrariado. É oportunista fracassado”.

Allan se defendeu das críticas dizendo: “[Nunca aceitei] os inúmeros convites que me fizeram e nunca levei p*** em churrasco de família em Brasília, deixando todo mundo desconcertado. Camargo, você sabe muito bem que uma casa invadida sem autorização, com arma apontada para uma esposa grávida, é prova maior que levar p*** para churrasco de família”.

A declaração é uma referência à ação da Polícia Federal em sua casa, no cumprimento de mandado de busca e apreensão emitido pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Na época, Allan publicou um vídeo dizendo que policiais apontaram armas para ele e para sua esposa, que estava grávida de nove meses.

A mensagem de Allan termina com ele atacando Camargo: “Você tem uma longa estrada para falar de mim e do Olavo, seu moleque de m****.

Após as ofensas, Camargo disse que Allan “tem o caráter de um esquerdista e carrega o vício da mentira e da maledicência. Em resumo, um sujeito deplorável e repulsivo”. Camargo enfatizou ainda que a direita não tem dono e que não precisa “da chancela de nenhum professor e/ou militante para ser um conservador”.

O presidente da Palmares afirmou: “O maior conservador que já conheci na vida e que mais me ensinou foi minha saudosa mãe. E ela nunca tinha lido um único livro teórico”.

Camargo encerrou dizendo que já tem “muita ‘encheção’ de saco dos branquelos da esquerda, com síndrome de senhor de escravos, para ter que aturar imbecis da direita com a mesma síndrome”.

Leia também1 SP: Jogador de futebol é achado morto no mar de Praia Grande
2 Em leilão, extinta TV Manchete é arrematada por meio milhão
3 Ministério da Saúde diz que vacina para crianças é segura
4 Bolsonaro viaja ao litoral de SC para celebrar a virada de ano
5 No palco, Maraisa expõe relação da irmã: "Teve barraco no Natal"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.