Leia também:
X PF investiga corrupção na gestão de ex-diretor da Petrobras

Aliados de Leite acusam Doria de fraude em prévias do PSDB

Denúncia foi protocolada em Brasília, nesta quinta-feira

Monique Mello - 21/10/2021 17h13 | atualizado em 21/10/2021 17h48

Eduardo Leite e João Doria no primeiro debate das prévias tucanas Foto: Reprodução/YouTube/O Globo

O governador de São Paulo, João Doria, está sendo acusado de fraude na data de filiação de prefeitos e vice-prefeitos de São Paulo, no que tange às prévias do PSDB.

Apoiadores do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, dirigentes partidários do PSDB no Rio Grande do Sul, no Ceará, em Minas Gerais e na Bahia protocolaram uma ação na sede do partido em Brasília, na tarde desta quinta-feira (21).

O texto diz que o diretório paulista filiou 92 prefeitos e vice-prefeitos do estado de São Paulo fora do prazo estabelecido pelo partido, com o objetivo de eles votarem nas prévias tucanas marcadas para novembro. Uma resolução define que somente filiados até 31 de maio podem participar das prévias.

De acordo com a representação, esses prefeitos e vice-prefeitos teriam sido incluídos no sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com data retroativa.

– É uma denúncia grave. Isso é uma tentativa de fraude do processo eleitoral – afirmou o deputado Paulo Abi Ackel (PSDB-MG), que classificou o ato como uma “suposta tentativa de fabricar eleitores”.

– Foi constatado que existem pessoas como votantes sem condições de votar, e esse volume chega a quase uma centena – acrescentou o ex-prefeito de Porto Alegre Nelson Marchezan Júnior, integrante da equipe de Leite.

Os tucanos aptos a votarem nas prévias do PSDB são divididos em quatro grupos: os filiados, os vereadores e deputados estaduais, os prefeitos e vice-prefeitos e um agrupamento formado por governadores, vice-governadores, senadores, deputados federais e o nacional do partido, Bruno Araújo. Cada segmento tem peso de 25% na votação total.

Vence o candidato que alcançar maioria absoluta dos votos válidos. O primeiro turno da disputa está marcada para o dia 21 de novembro.

Leia também1 Eduardo Leite abre "vantagem" sobre Doria em prévias
2 João Doria descarta deixar o PSDB caso não vença as prévias
3 Moraes manda bloquear contas bancárias de Allan dos Santos
4 Em reunião, Partido Liberal articula filiação de Bolsonaro
5 Deputados propõem concessão de honraria a Luciano Hang

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.