Leia também:
X DF: Jovem é atingido por raio durante partida de futebol

‘Alguns não entendem que o presidente é o capitão do time’

General Augusto Heleno comentou possível recriação do Ministério da Segurança Pública

Ana Luiza Menezes - 23/01/2020 18h19

General Augusto Heleno Foto: PR/Marcos Corrêa

Nesta quinta-feira (23), o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, usou uma rede social para comentar a possível recriação do Ministério da Segurança Pública. Ele defendeu que é preciso confiar no governo do presidente Jair Bolsonaro.

– Ou vocês confiam no capitão Jair Bolsonaro, que teve visão e coragem para, sem recursos, enfrentar o sistema e nos dar esperança de mudar, ou continuarão atacando-o e devolverão o Brasil à esquerda, em 2023. A Argentina está aí para provar que estou certo – declarou.

Entre outras considerações, Heleno disse que o governo não tenta enfraquecer o trabalho do ministro da Justiça, Sergio Moro.

– O mesmo já aconteceu quando o Congresso passou o COAF da Justiça para o Banco Central. Os mesmos que, hoje, mentem ser de interesse do presidente recriar a Segurança, acusaram o mesmo de enfraquecer Moro no caso COAF. (…) O que alguns não entendem é que o presidente é o capitão do time; ele escalou seus 22 ministros. As decisões são tomadas, ouvindo os ministros, mas cabe a ele, como comandante, dar a palavra final, mesmo que isso contrarie alguns dos seus assessores ou eleitores. Em nenhum momento, o Presidente disse apoiar tal iniciativa. Apenas, educadamente, disse que enviaria a seus ministros, para estudo, entre eles o Ministro Sérgio Moro – escreveu.

O ministro disse anda que a proposta de recriar o Ministério da Segurança Pública não partiu do presidente e sim da maioria dos secretários de segurança estaduais. A série de tuítes de Heleno foram reproduzidas no perfil oficial de Bolsonaro.

Presidente Jair Bolsonaro publicou as considerações do ministro-chefe do GSI Foto: Reprodução

Leia também1 Bolsonaro estuda recriar o Ministério da Segurança
2 Moro cria conta no Instagram após pedido de sua esposa
3 'Vamos resgatar o que ficou de fora', diz Moro sobre anticrime
4 Regina convida reverenda para ser adjunta da Cultura

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.