Leia também:
X Quem é Yang Wanming, atual embaixador da China no Brasil

Alesp analisa afastamento de Fernando Cury nesta quarta

Possibilidade de cassação ainda é incerta

Pleno.News - 29/03/2021 22h18 | atualizado em 29/03/2021 22h20

Deputado estadual Fernando Cury apalpou lateral do corpo da parlamentar Isa Penna Foto: Reprodução

O plenário da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) vai analisar na próxima quarta-feira (31) o projeto de resolução que determina a perda temporária do mandato do deputado Fernando Cury (Cidadania). Ele é acusado de importunar sexualmente a deputada Isa Penna (PSOL) durante uma sessão, em dezembro do ano passado. Nesta terça-feira (30), a Procuradoria da Casa vai informar se a pena dada ao parlamentar poderá ser alterada por meio de emendas parlamentares. Se permitidas, poderão abrir caminho para uma punição mais dura, como a própria cassação do deputado.

A data da análise do projeto foi definida em uma reunião do Colégio de Líderes desta segunda (29). De acordo com a assessoria da Alesp, a sessão extraordinária está marcada para as 10h de quarta.

Como é a primeira vez que a Assembleia discute a suspensão de um mandato, ainda há dúvidas sobre a possibilidade de apresentar emendas que alterem a pena de Cury. A definição da Procuradoria pode mudar o desfecho do caso, já que uma das emendas protocoladas por Isa em coautoria com outras bancadas e deputados pede a cassação de Cury. Há, ainda, outras emendas apresentadas pelos deputados Barros Munhoz (PSB) e Arthur do Val (Patriota) e que pedem afastamento de seis meses do cargo, o mesmo sugerido pelo deputado Emidio de Souza (PT), relator no Conselho de Ética.

A resposta da Procuradoria será publicada no Diário Oficial da Cidade de São Paulo e inclui respostas para a questão de ordem do deputado Emidio de Souza. Além das emendas, o parlamentar pergunta sobre qual será o rito da discussão da propositura em plenário e qual será o roteiro de votação.

*Estadão

Leia também1 Conselho aprova suspensão de deputado que apalpou colega
2 Relator quer suspender mandato de deputado que apalpou colega
3 Entenda o que é o crime de importunação sexual
4 "Foi gentileza", diz deputado que apalpou colega na Alesp
5 Alesp abre processo de cassação de deputado acusado de assédio

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.