Leia também:
X Pai do pastor Anderson do Carmo diz esperar por justiça

Alcolumbre definirá sabatina de Mendonça em breve, diz jornal

Presidente da CCJ pode marcar a sabatina do ex-AGU, indicado ao Supremo, na próxima semana

Henrique Gimenes - 23/11/2021 17h41 | atualizado em 23/11/2021 18h07

André Mendonça foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para uma vaga no STF Foto: PR/Carolina Antunes

O imbróglio envolvendo a sabatina de André Mendonça na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado pode estar próximo do fim. De acordo com a colunista Bela Megale, do jornal O Globo, o presidente do colegiado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou que deve definir a data na próxima segunda-feira (29).

Ex-advogado-geral da União, Mendonça foi indicado em 13 de julho pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar a vaga deixada pelo ministro Marco Aurélio de Mello no STF. Mas, desde então, seu nome não passou pelo primeiro passo para ingressar na Corte, já que Alcolumbre ainda não definiu a data da sabatina.

Segundo o veículo, o presidente da CJJ falou sobre a definição em conversa com parlamentares. Já o governo espera que o procedimento ocorra na primeira semana de dezembro.

A indefinição sobre uma data levou Alcolumbre a ser criticado diversas vezes por seus colegas de Senado e gerou, inclusive, uma ação no STF para tentar obrigar a escolha de uma data para a sabatina de André Mendonça.

Leia também1 Mendonça convoca evangélicos para garantir votos no Senado
2 Pacheco descarta levar sabatina de André Mendonça ao plenário
3 PGR se manifesta contra obrigar CCJ a sabatinar André Mendonça
4 Vice-presidente da CCJ declara apoio a André Mendonça no STF
5 Pacheco descarta afastar Davi Alcolumbre: "Merece respeito"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.