Leia também:
X DF entrega ao STF lista de 234 caminhões que foram a Brasília

Alckmin afirma que nova âncora fiscal não vai fazer parte da PEC

Vice-presidente eleito afirmou que o tema não será debatido "nesse momento"

Pleno.News - 17/11/2022 08h28 | atualizado em 17/11/2022 10h26

Geraldo Alckmin Foto: Ricardo Stuckert/PT

Coordenador-geral do governo de transição, o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin (PSB) reiterou nesta quarta-feira (16) que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Transição vai tratar apenas do Auxílio Brasil e afirmou que as discussões sobre uma nova âncora fiscal, que poderá substituir o teto de gastos, ocorrerão em outro momento.

– A PEC trata da questão do Bolsa Família [atual Auxílio Brasil], que ambos os candidatos [Lula e Bolsonaro] defenderam na campanha (…). A questão da ancoragem fiscal vai ser debatida com mais calma, não será nesse momento – disse.

Alckmin repetiu que, além dos R$ 600 mensais, o Auxílio Brasil vai garantir o pagamento de R$ 150 por criança com menos de 6 anos, com as contrapartidas de vacinação e matrículas nas escolas e declarou ainda que o governo eleito vai trabalhar pela responsabilidade fiscal, mas disse que há a necessidade de ampliar os gastos públicos em 2023.

– Não vai ser um governo gastador. Mas é preciso, de um lado, um mínimo para garantir a rede de proteção social e, de outro, o funcionamento do Estado. Não se pode parar obras, e é preciso ter um mínimo para investimento que vai ser importante para a retomada do crescimento – completou.

*AE

Leia também1 DF entrega ao STF lista de 234 caminhões que foram a Brasília
2 Erisipela: Entenda a doença na perna de Bolsonaro
3 PEC da Transição quer retirar Bolsa Família do teto de gastos
4 PM do DF diz que não há líderes nas manifestações em Brasília
5 Equipe de transição de Lula tem 283 pessoas confirmadas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.