Leia também:
X Polícia Federal confiscou R$ 10 bilhões do crime em 2020

2022: Evangélicos rejeitam Lula e mantém apoio a Bolsonaro

Pesquisa apontou que 40% dos evangélicos consideram o atual governo "ótimo ou bom"

Paulo Moura - 28/03/2021 13h58 | atualizado em 28/03/2021 13h59

Presidente Jair Bolsonaro participa de culto evangélico na capital federal Foto: PR/Alan Santos

Uma das principais parcelas do eleitorado do presidente Jair Bolsonaro, os evangélicos seguem ao lado do atual chefe do Executivo federal. É o que mostra um levantamento feito pelo instituto Inteligência, Pesquisa e Consultoria (Ipec), divulgado no começo de março.

De acordo com os números apurados pelo Ipec, 40% dos eleitores evangélicos avaliam o atual governo como “ótimo ou bom”. Neste segmento, apenas 27% consideram o governo “ruim ou péssimo”. O resultado parece consolidar a preferência dessa parte do eleitorado, que pode definir o pleito por representar cerca de 30% dos brasileiros.

Nas última semanas, líderes das principais igrejas evangélicas estiveram no Palácio do Planalto para reforçar o apoio ao presidente da República. A ideia do grupo foi de mostrar que nem mesmo a possibilidade de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve afastar os evangélicos do atual governo.

– O Lula não terá espaço com os evangélicos – garantiu o pastor Silas Malafaia logo após o encontro em Brasília.

Lideranças políticas do meio evangélico, como o líder da Frente Parlamentar Evangélica, deputado Cezinha de Madureira (PSD-SP), também fizeram questão de declarar a satisfação com o governo de Bolsonaro.

– Nunca tivemos um governo que começa e termina o dia falando em Deus. É um pouco difícil falar qualquer coisa contra esse governo. O Lula já começou declarando que é contra evangélico, que é contra a igreja – afirmou.

Leia também1 Bolsonaro celebra aniversário de 94 anos da mãe, Olinda
2 Colunista da Folha pede golpe militar para derrubar Bolsonaro
3 Com Covid, Malafaia alfineta: "Recebi telefonemas da Globo"
4 Otoni pede que Bolsonaro não confie em generais e extremistas
5 Paulo Guedes é vacinado contra o novo coronavírus em Brasília

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.