1ª mulher a comandar caça é piloto do avião presidencial

Oficial Carla Borges também se tornou a primeira a guiar o Airbus da Presidência

Pleno.News - 07/01/2019 09h15

Carla Borges, capitã aviadora Foto: Divulgação/FAB

A capitã Carla Borges da Força Aérea Brasileira (FAB) se tornou a atual piloto do avião presidencial. Ela é a primeira mulher a comandar, em voo solo, um avião de caça. Agora é a primeira mulher a pilotar a aeronave da Presidência.

A capitã assumiu o posto no dia 22 de dezembro de 2016, durante a gestão de Michel Temer. Carla possui dez anos de carreira militar e de experiência em voo. Ela foi escolhida pelo conselho operacional da FAB, composto por três chefes de esquadrões.

– É uma nova etapa da minha vida. É muito orgulho para qualquer um poder transportar o presidente da República. É a maior autoridade do país. É muito além do que eu imaginava. Estou orgulhosa de ter chegado onde eu cheguei. É uma conquista muito grande para mim – afirmou a oficial.

Ela concedeu uma entrevista ao portal da FAB e falou sobre a diferença dos modelos de avião.

– O tipo de voo é diferente. A aviação de caça tem um voo com objetivos diferentes. Na aviação do transporte de autoridades, preza-se mais pela tranquilidade do voo. É muito mais cuidadoso para evitar qualquer tipo de distúrbio, turbulências, para realmente dar conforto para a autoridade, que muitas vezes está trabalhando a bordo – apontou.

O Airbus A-319 presidencial, batizado de Santos-Dumont, é usado no transporte do líder do Executivo desde 2005.

LEIA TAMBÉM+ Veja o luxuoso, e polêmico, avião presidencial do México
+ Bolsonaro é ovacionado em avião e passageira cede lugar
+ Bolsonaro vai à posse do novo comandante da Aeronáutica


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo