Leia também:
X Janaina sobre vídeo: “Parece campanha para o Bolsonaro”

Pastor que testemunhou facada sobre CPI: ‘Frota é mau-caráter’

Wellington Santos estava próximo a Bolsonaro quando Adélio Bispo efetuou o ataque

Gabriela Doria - 15/09/2021 11h46 | atualizado em 15/09/2021 12h24

Pastor Wellington Santos testemunhou facada em Jair Bolsonaro Foto: Reprodução YouTube

O pastor Wellington Santos reagiu com indignação à proposta do deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) de criar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o atentado à faca sofrido pelo então candidato à Presidência Jair Bolsonaro, em setembro de 2018. Frota questiona a “veracidade” do ataque e sugere que Bolsonaro possa ter “orquestrado” o atentado contra si mesmo.

Em participação na TV Jornal da Cidade Online, o líder religioso revelou que estava próximo a Bolsonaro quando este foi atingido por Adélio Bispo. Ainda segundo Santos, ele foi o responsável pelo vídeo que mostra o socorro ao presidente.

– Eu estava próximo do presidente. Eu tirei foto. O vídeo dele entrando no carro, fui eu que filmei. O vídeo foi parar na GloboNews. Eu vi tudo acontecer. Quando Bolsonaro tomou a facada, eu comecei a ficar desesperado, olhando para o alto, achando que ele tinha levado um tiro – lembrou.

Em seguida, o pastor foi enfático ao afirmar que a proposta de Frota é de “mau-caráter”.

– Não digo que essa [CPI] é uma falácia da esquerda, mas de um mau-caráter, de um cidadão que não representa essa nação. Tanto ele quanto Joice Hasselmann – disse Santos, aludindo a um suposto ataque que a deputada sofreu em casa e que, depois, a polícia concluiu se tratar de uma queda.

Santos também citou a CPI da Covid-19, que tramita no Senado Federal, e apontou qual seria o objetivo dessas comissões.

– O tempo vai mostrar que o Alexandre Frota não tem nada de diferente do MBL. […] Cada CPI criada vai envergonhando mais quem a cria. O que eles querem é desgastar o governo – disse o pastor.

O líder religioso ainda apontou para os possíveis danos que a mídia pode causar usando a CPI da facada.

– Essa CPI proposta pelo maluco do Alexandre Frota não faz sentido algum pra nós [conservadores], é uma falácia. Mas não podemos esquecer que existe uma mídia tradicional muito forte e que eles vão pegar essa causa e colocar na TV para trazer um senso comum na população – denunciou.

Leia também1 Frota propõe uma CPI da Facada: 'Bolsonaro aproveitou a situação'
2 Michelle Bolsonaro ironiza Frota e sugere "CPI do Oportunismo"
3 Ressentido, Frota rebate ironia de Michelle: 'Me esquece, moça'
4 Frota é condenado a indenizar juiz que mandou soltar Lula
5 Janaina sobre vídeo: "Parece campanha para o Bolsonaro"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.