Leia também:
X Damares vai processar editor do UOL: “Nos vemos nos tribunais”

Bolsonaro na ONU: Brasil sofre “campanha de desinformação”

Presidente comentou sobre críticas às políticas ambientais do Brasil

Gabriela Doria - 22/09/2020 11h10 | atualizado em 22/09/2020 12h26

Presidente Jair Bolsonaro em discurso de abertura da ONU Foto: Reprodução

Na abertura da 75ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, nesta terça-feira (22), o presidente Jair Bolsonaro defendeu as políticas ambientais do Brasil e disse que o país serve de exemplo para outros países em termos de preservação do meio ambiente. Bolsonaro disse ainda que o país sofre uma “brutal campanha de desinformação” que tem por trás “interesses escusos”.

– Somos vítimas de um das mais brutais campanhas de desinformação sobre a Amazônia e o Pantanal. A Amazônia brasileira é riquíssima e isso explica o apoio de instituições internacionais a essa campanha escorada em interesses escusos que se unem a associações brasileiras aproveitadores e impatrióticas com o objetivo de prejudicar o governo e o próprio Brasil. […] Focos [de incêndios] criminosos são combatidos com rigor e determinação. Mantenho minha política de tolerância zero com o crime ambiental. Junto com o Congresso Nacional, buscamos a regularização fundiária visando identificar os autores desses crimes.

Bolsonaro também destacou que o Supremo Tribunal Federal delegou a estados e municípios a implementação de regras próprias sobre medidas de isolamento e culpou parte da imprensa por “politizar o vírus”.

– Desde o princípio alertei que tínhamos dois problemas para resolver: o vírus e o desemprego. E que ambos deviam ser tratados simultaneamente, com a mesma responsabilidade. Por decisão judicial, todas as medidas de isolamento e restrições de liberdade foram delegadas a cada um dos 27 governadores. Ao presidente coube o envio de recursos e meios a todo o país. Como aconteceu em todo o mundo, parcela da mídia brasileira politizou o vírus entre a população sob o lema “fique em casa” e “a economia a gente vê depois” quase trouxeram o caos a todo o país. Mas o nosso governo, de forma arrojada, implementou várias medidas econômicas que evitaram um mal maior – afirmou.

– Discurso de abertura da 75⁰ Assembléia Geral da ONU.. Link em nosso canal no YouTube: https://youtu.be/-Gmn5kywzqc

Posted by Jair Messias Bolsonaro on Tuesday, September 22, 2020

O discurso, que foi gravado na última semana, foi reproduzido no início do assembleia deste ano. Por causa da pandemia, a reunião será virtual. Tradicionalmente é o líder brasileiro quem faz o discurso de abertura do evento.

Leia também1 Damares vai processar editor do UOL: "Nos vemos nos tribunais"
2 Após 10 anos, 1.665 famílias recebem título de posse rural
3 Estudo indica que o pior da pandemia da Covid-19 já passou
4 Carlos acusa 'ONGs vagabundas' de ação orquestrada contra o pai
5 Brasil recebe 30 tanques de guerra doados pelos EUA

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.