Leia também:
X Quem é Caio Paes de Andrade, indicado para dirigir a Petrobras

Mourão diz que Dom Phillips “entrou de gaiato nessa história”

Vice-presidente aponta que o jornalista britânico foi prejudicado

Pleno.News - 20/06/2022 14h03 | atualizado em 20/06/2022 14h48

Vice-presidente Hamilton Mourão Foto: Romério Cunha/ VPR

O vice-presidente Hamilton Mourão (Republicanos) afirmou, nesta segunda-feira (20), que o assassinato do jornalista inglês Dom Phillips foi um “dano colateral” pelo fato de estar junto ao indigenista Bruno Pereira, na Amazônia, também assassinado. Ele ainda considerou a possibilidade de haver um mandante para os crimes, o que a Polícia Federal nega até o momento.

– Vai aparecer, se há um mandante. Se há um mandante, é comerciante da área que estava se sentindo prejudicado pela ação principalmente do Bruno e não do Dom. Dom entrou de gaiato nessa história, é dano colateral – afirmou o vice-presidente a jornalistas no Palácio do Planalto.

Mourão ainda classificou o assassinato de Dom e Bruno como “morte estúpida”.

– Essas pessoas aí que assassinaram covardemente os dois são ribeirinhos – declarou o vice-presidente.

O pescador Amarildo da Costa Oliveira, conhecido como Pelado, já confessou participação nos crimes. Em reportagem do programa Domingo Espetacular, exibido pela TV Record na noite deste domingo (19), o pescador relatou os momentos finais de Bruno e Dom antes da execução.

*AE

Leia também1 Assassino narra instantes finais de Dom e Bruno antes da morte
2 Hamilton Mourão deseja "sorte" ao presidente eleito da Colômbia
3 Hamilton Mourão avalia que CPI da Petrobras 'não vai nem andar'
4 Zé Trovão chama caminhoneiros para protestos contra Petrobras
5 Polícia encontra barco de Bruno Pereira e Dom Phillips no AM

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.