Leia também:
X Pela 1ª vez, Vale é condenada por rompimento de barragem

Morre o jornalista Paulo Henrique Amorim, aos 76 anos

Ele estava em casa, no Rio de Janeiro, quando sofreu um infarto fulminante

Jade Nunes - 10/07/2019 08h39 | atualizado em 08/07/2020 15h26

O jornalista Paulo Henrique Amorim morreu durante a madrugada desta quarta-feira (10), aos 76 anos. Ele estava em casa, no Rio de Janeiro, quando sofreu um infarto fulminante.

Amorim trabalhava na Record TV desde 2003 e deixa um legado para o jornalismo. Ele teve grande experiência em vários jornais, revistas e emissoras de televisão do Brasil.

A estreia de Paulo Henrique aconteceu no jornal A Noite, em 1961. Mais tarde, ele foi para Nova Iorque, nos Estados Unidos, como correspondente internacional da revista Realidade. Depois ingressou na revista Veja.

Já na televisão, passou pela TV Manchete, Globo, Bandeirantes e TV Cultura. Em 2003, passou a apresentar o Jornal da Record. Até junho deste ano, ele estava à frente do Domingo Espetacular, quando foi afastado devido a um “processo de reformulação do jornalismo da emissora”, segundo a própria Record.

O jornalista deixa uma filha e a esposa, Geórgia Pinheiro.

O velório será realizado nesta quinta-feira das 10h às 15h, na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), rua Araújo Porto Alegre, 71, Centro, Rio de Janeiro.

Leia também1 Famosos lamentam a morte de Paulo Henrique Amorim
2 Amigos de cantor baleado fazem culto em hospital
3 Pela 1ª vez, Vale é condenada por rompimento de barragem

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.